Banner Haras Regina Topo
22 mar 2019 | 21:01:37

Breaking News e Tuerreda deixam candidatos para trás na sequência das tríplices coroas

Grandes Prêmios Presidente Fernando Jorge Schneider e Coronel Caminha foram disputados nesta sexta-feira (22), em Porto Alegre.

Tuerreda contou com ótima direção de R. Arias.

Imagem: Transmissão JCRS

Nesta sexta-feira (22), em Porto Alegre, tiveram sequências as tríplices coroas, de potros e potrancas, de 3 anos. Em ambas, os candidatos aos títulos restaram superados, tendo as vitórias ficado com Breaking News e Tuerreda.

Mantida no centro do pelotão, por César Dias Carvalho, Breaking News começou a dar o ar de sua graça, no Grande Prêmio Presidente Fernando Jorge Schneider, quando do contorno da última curva. Ingressando na reta final já próxima das ponteiras, Breaking News foi levada para o externo da pista, por seu piloto.

Com a candidata Madame Quick (Quick Road) batida, coube a Ahaha (Shanghai Bobby) dar grande fila de vitória. Não houve, porém, um mínimo sinal de resistência quando Breaking News encampou arremate letal, nos últimos 200 metros. Ahaha formou a dupla a 1 corpo, finalizando Queen of Champagne (Crafty C.T.) em terceiro. Madame Quick foi a quarta e Hummingbird (Public Purse) a quinta.

Treinada por Manoel Duarte, Breaking News obteve a segunda vitória em 13 saídas. Filha de Glória de Campeão e Energia Estimada (Agnes Gold), de criação do Haras LLC e propriedade de Rafael Antonio Dias Gomes, percorreu os 1.800m no tempo de 2:01.50.

Já no Grande Prêmio Coronel Caminha, em 2.000m na pista de areia, Tuerreda fez da cerca interna a sua trilha para a vitória. Com R. Arias “up”, vigiou, de perto, as movimentações do favorito – e candidato à tríplice coroa – Sangue Missionero (Bold Start), que era seguido por Gulf Watch (Watchmon) – o vencedor do Clássico ABCPCC Regional (L), em 2018.

Na reta final, Sangue Missionero desgarrou um bocado, deixando a baliza um livre para Tuerreda. À medida que o ponteiro diminuiu seu ritmo, nos últimos 200 metros, Tuerreda arrematou, sem vacilar, derrotando o oponente por 2 corpos e ½. Gulf Watch foi o terceiro. Obinophone (Public Purse) e Apaixonado Thunder (Desejado Thunder) completaram o marcador.

Recebendo treinamento de Luciano Arias, Tuerreda conquistou a segunda vitória em 9 saídas. Filho de Drosselmeyer e Honey Mustard (Ghadeer), de criação do Stud P C e propriedade de Alberto J. Tiellet Miorim, percorreu a distância no tempo de 2:16.20.

Mais notícias

Com duas reuniões, festival do GP Paraná pede passagem

Paranaenses celebrarão sua semana máxima com reuniões na quinta-feira e no domingo. Arremates serão realizados no sábado.

Ler na íntegra

Domingos: “Senti a mesma alegria da minha primeira vitória”

Após acidente de graves proporções, bridão brasileiro obteve ontem, na Argentina, a primeira vitória depois do regresso às pistas. Diretamente em prova clássica, com o velocista, Tato Key.

Ler na íntegra

Hong Kong: Cash do Jaguarete entra quinto em handicap

Corredor brasileiro atuou na madrugada deste domingo (23), em Sha Tin.

Ler na íntegra