Banner Haras Regina Topo
03 Mar 2018 | 19:14:19

Comandante Dodge lidera dobrada da Coudelaria Família Monteiro em listed

Múltiplo ganhador clássico, filho de Dodge resistiu às investidas do faixa, Super Rapha, no Clássico Orsenigo (L).

Comandante Dodge (por dentro) resistiu ao faixa Super Rapha

Imagem: Gérson Martins

Disputado no Jockey Club Brasileiro, o Clássico Orsenigo (L), em 1.000m na pista de grama (pesada), para produtos de 3 e mais anos, revelou nova vitória de Comandante Dodge, 6 anos, filho de Dodge e Free Wind (High Yield), de criação do Haras Anderson e propriedade da Coudelaria Família Nova Monteiro.

Joe Lebron (Christine’s Outlaw) assumiu a dianteira após a partida. Voando Sorrindo (Voando Baixo) corria em segundo, aparecendo Cometa Karlo (Pitu da Guanabara) em terceiro. A parelha composta por Comandante Dodge e Super Rapha (Put It Back), nessa ordem, completava o pelotão.

Na reta de chegada, Voando Sorrindo avançou com sucesso sobre Joe Lebron, na altura dos 300 finais. Castigado na mão canhota de Carlos Lavor, porém, Comandante Dodge surgiu em forte arremate, a meio de pista. Trazia consigo Super Rapha.

Nos últimos 100 metros Comandante Dodge dominou Voando Sorrindo, passando a lidar, então, com o tropel de Super Rapha. Este, contudo, teve de se contentar com a formação da dupla a pescoço. Voando Sorrindo (3/4) em terceiro, deixando Cometa Karlo (4) e Joe Lebron (8 e ½) nos postos subsequentes.

Treinado por Dulcino Guignoni, Comandante Dodge obteve a décima vitória em 37 corridas. Múltiplo ganhador clássico, incluindo o GP Major Suckow (gr.I), Comandante Dodge registrou 58.04 para a distância.

Mais notícias

Mercado: com US$ 525 mil, filho da brasileira Bella Fafa liderou preços do quinto dia de vendas em Keeneland

Produtos de Colina Verde e Bonne Rafaela também atingiram a barreira dos 6 dígitos no September yearlings sale.

Ler na íntegra

Stud Book informa: autorização de utilização de sêmen fresco colhido durante a cobertura.

Com a recente atualização das normas do IABRW (International Agreement on Breeding, Racing and Wagering) promovidas pela IFHA (International Federation of Horseracing Authorities) e pelo ISBC (International Stud Book Committee) em 02 de junho de 2017, das quais somos signatários e, objetivando aplicar efetivamente os dispositivos do nosso Regulamento, o Stud Book Brasileiro emitiu a Circular SBB nº 01/2017, versando... [continua ]

Ler na íntegra

Pegasus World Cup tem bolsa aumentada e pagará US$ 16 milhões em prêmios

Versão 2018 do páreo está confirmada, novamente, para Gulfstream Park

Ler na íntegra