Banner Haras Regina Topo
04 Ago 2018 | 18:48:17

Em final eletrizante, Tupã Ceretã supera Sammy na capital paulista

Alazão de Neverending Stud conquistou o Clássico Luiz e José Vieira de Carvalho Mesquita (L).

Tupã Ceretã (por dentro) conquistou bonita vitória.

Imagem: Marília Lemos

Derradeiro embate de chamada clássica, deste sábado (4), em Cidade Jardim, o Clássico Luiz e José Vieira de Carvalho Mesquita (L), em 2.000m na pista de grama (pesada), para produtos de 4 e mais anos, marcou a vitória de Tupã Ceretã, 4 anos, filho de Quick Road e Katita Porã (Special Nash), de criação do Haras Mabruk e propriedade de Neverending Stud.

Conduzido por Everton Pereira, Tupã Ceretã vigiou, na terceira colocação, o ritmo imposto por Um Fugitivo (Molengão) e Looking Ahead (Setembro Chove) à competição. Cowboy Purse (Public Purse) corria em quarto. O favorito Sammy (First American) aparecia no quinto posto.

Sob train moroso, o pelotão terminou a reta oposta e completou a curva. Na entrada da reta de chegada, Tupã Ceretã girou dominando a carreira, ao passo que Sammy já se apresentava, pelo lado de fora, em sua pegada.

Por melhor que fosse a ação de Sammy, Tupã Ceretã engrossou o caldo contra o favorito, nos últimos 300 metros de prova. Mesmo chegando a ser dominado pelo oponente, Tupã Ceretã, nos lances decisivos, entregou suas últimas energias à disputa, o que lhe rendeu uma vitoriosa reação junto à cerca interna. Um focinho assegurou a vitória de Tupã Ceretã, com Sammy, que perdeu corrida ingrata, formando a dupla.

Looking Ahead (4 e ¾) foi o terceiro, deixando Conan do Jaguarete (por Wild Event, 5 e ¾) e Cowboy Purse (6 e ¾) nos postos subsequentes.

Eleito, Land of Foz e Fugitivo finalizaram na sequência. Não correu: Zap Zap.

Responsável pelo treinamento dos dois primeiros colocados, Thiago Haidar encilhou Tupã Ceretã para que este conquistasse a quarta vitória em 10 saídas. Vencedor do Clássico Siphon (L) e do GP Pres. José de Souza Queiroz (gr.III), completou a distância na marca de 2:03.10, com finais de 23.54 e 12.06.

Mais notícias

Troféu Mossoró: Quarteto de Cordas é eleito cavalo do ano

Principal premiação do turfe brasileiro foi realizada neste sábado (4), no Rio de Janeiro.

Ler na íntegra

Veloz e resistente, Fidedigno vence mais uma na Gávea

Destinado a produtos de 3 e mais anos, o Clássico Luiz Rigoni (L), em 1.400m na pista de grama, para produtos de 3 e mais anos, foi disputado nesse domingo (12) na Gávea e foi vencido pelo favorito Fidedigno, 5 anos, filho de Forestry e Freida Benz (Orpen), criado na Argentina por Julio Rafael de Aragão Bozano e pertencente ao... [continua ]

Ler na íntegra

Porto Alegre: Linda Nui venceu o melhor páreo do dia

Defensora da Coudelaria F.B.L. conquistou o Clássico Naio Lopes de Almeida.

Ler na íntegra