Banner Haras Regina Topo
06 jan 2019 | 18:52:43

Fitzgerald conquista a vitória que lhe faltava: o GP Pedro Piñeyrúa

Crioulo do Haras Santa Maria de Araras, confirmou seu favoritismo na prova destinada aos milheiros no festival máximo uruguaio. Brasileiros emplacaram trifeta.

Fitzgerald venceu aos esbarros.

Imagem: Karol Loureiro

Destinado a produtos de 3 e mais anos, o Gran Premio Pedro Piñeyrúa (URU-gr.I), em 1.600m na pista de areia, foi disputado neste domingo (6), em Montevidéu. Fácil vitória do brasileiro Fitzgerald, 4 anos, filho de Put It Back e Via Jet (Wild Event), de criação do Haras Santa Maria de Araras e propriedade do Stud La Fe.

O argentino Loved By Rose (Hurricane Cat) saiu com pressa dos boxes, assinalando 44.71 para os primeiros 800 metros. Fitzgerald acompanhava o – forte – ritmo na segunda colocação. Ainda na curva Luis Cáceres tratou dos papéis, lançando Fitzgerald para cima de Loved By Rose.

Na reta de chegada, Cáceres sequer precisou exigir Fitzgerald a fundo para que o castanho liquidasse a fatura, quando ainda faltavam 300 metros para o disco. Sinabung, um Discreet Cat criado pelo Haras Santarém – e de propriedade de APG Thoroughbreds – foi o segundo colocado, a 5 corpos. Jaffar (por Shanghai Bobby, de criação do Haras Springfield), que é treinado em Curitiba/PR por Antenor Menegolo Neto, também rendeu com agrado, completando a trifeta da criação nacional. Jaffar foi conduzido por José Aparecido.

Magic Jones (Smarty Jones) finalizou em quarto e Gauche, por Nedawi, de criação do Haras Santa Rita da Serra, em quinto.

Recebendo treinamento de Jorge Firpo, Fitzgerald conquistou a décima segunda vitória em 15 saídas. Múltiplo ganhador clássico, em Maroñas, Fitzgerald, que havia finalizando em terceiro, nesse mesmo páreo, no ano passado, percorreu a milha no tempo de 1:33.40.

Mais notícias

GP João Adhemar de Almeida Prado: o início dos grandes feitos

A Taça de Prata de potros tem por tradição render os primeiros feixes de glória a campanhas de verdadeiros campeões. No sábado, mais de R$ 200 mil em disputa.

Ler na íntegra

Hard Trick revive seus melhores dias e dá show na Prova Especial Troyanos

Defensor do Stud Daltex conquistou vitória esmagadora, na melhor prova da noturna.

Ler na íntegra

Mercado: Salto Olímpico e January Jones seguem para a Ásia

Algumas semanas após Esfinge ter sido adquirida por investidores japoneses, outros dois animais PSI criados no Brasil tiveram seladas as suas negociações junto a proprietários asiáticos. Em operações intermediadas pela Agência TBS, Salto Olímpico e January Jones seguirão suas respectivas carreiras - ele de corredor, e ela de matriz - na Ásia.

Ler na íntegra