Banner Haras Regina Topo
15 Ago 2017 | 00:32:48

Grupos I pela Europa: resultados do fim de semana

Alemanha, França e Irlanda sediaram corridas de graduação máxima nos últimos dias.

Al Wukair, pelo centro, desbancou a parelha da Godolphin, em final emocionante

Imagem: Equidia.fr

O fim de semana do turfe europeu rendeu interessantes embates aos turfistas. Entre Alemanha, França e Irlanda, três provas de graduação máxima compuseram as programações locais, em relevantes disputas do segundo semestre no Velho Mundo.

Corrida bastante aguardada pelos alemães, o Grosser Preis Von Berlin (gr.I), em 2.400m na pista de grama, para produtos de 3 e mais anos,  com € 175 mil de bolsa, revelou a vitória de Dschingis Secret, 4 anos, filho de Soldier Hollow e Divya (Platini), de criação de Gestut Park Wiedingen e propriedade de Horst Pudwill (clique aqui e assista ao replay).

Com Adrie de Vries “up”, Dschingis Secret derrotou a parelha favorita da Godolphin, composta por Hawkbill (Kitten’s Joy) e Racing History (Pivotal), que, nessa ordem, completaram a trifeta. Treinado por Markus Klug, Dschingis Secret registrou 2:32.89 para a milha e meia, na sua quinta vitória (a primeira de G1) em 12 corridas.

Em Deauville, na França disputou-se do Prix Jacques Le Marois (gr.I), em 1.600m na grama, com dotação de € 700 mil. Vitória do 3 anos Al Wukair, filho de Dream Ahead e Macheera (Machiavellian), criado na Irlanda por Ballych Stables e pertencente a Al Shaqab Racing (clique aqui e assista ao replay).

Pilotado por Frankie Dettori, Al Wukair impôs-se em final emocionante. Na linha de sentença, apenas meia cabeça separava o ganhador do segundo colocado, Inns of Court (Invencible Spirit) que ao lado do terceiro colocado – a apenas meio pescoço – Thunder Snow (Helmet), formou outra parelha da Godolphin cuja derrota deu-se por escassa margem. Responsável pelo preparo dos dois primeiros colocados, Andre Fabre enviou Al Wukair à raia para que o potro conquistasse a quarta vitória em 6 saídas. Tempo de 1:38.51.

Na Irlanda, por fim, a nova geração foi à raia por conta do Phoenix Stakes (gr.I), em 1.200m na pista de grama, para produtos de 2 anos, com € 250 mil de bolsa. Na prova de total hegemonia da Coolmore, mais uma vitória para o triunvirato de Michael Tabor, Derrick Smith & Susan Magnier, desta feita com Sioux Nation, filho de Scat Daddy e Dream The Blues (Oasis Dream), criado no Kentucky por Fethard Bloodstock (clique aqui e assista ao replay).

Ryan Moore conduziu Sioux Nation, que derrotou Beckford (Bated Breath) por ½ corpo. A terceira colocação ficou com o faixa do ganhador, Actress (Declaration of War). Treinador de 16 dos últimos 20 ganhadores da prova, Aidan O’Brien encilhou Sioux Nation para que este obtivesse a terceira vitória em 6 corridas. Relógios parados na marca de 1:11.72.

Mais notícias

Notas de falecimento: Homero Oliva e Mário Fontoura

Homero Oliva (esq.) e Mário Fontoura Imagem: Divulgação JCP e Porfírio Menezes Nas últimas horas faleceram, em Curitiba e São Paulo, respectivamente, o criador Homero Pinhatari Oliva e o ex-jóquei Mário Valdir Fontoura. Conforme noticiado pelo website do Jockey Club do Paraná, em nota divulgada ontem (21), Homero Oliva faleceu nessa quarta-feira, aos 83 anos, na capital paranaense. Criador e... [continua ]

Ler na íntegra

Cash do Jaguarete dá show no Grande Prêmio João Adhemar de Almeida Prato (gr.I)

Potro do Stud Jaguarete conquistou vitória impressionante na Copa dos Criadores.

Ler na íntegra

GP Longines Latinoamericano: montarias divulgadas

Jóqueis dos doze inscritos – dos quais três brasileiros – foram confirmados pela comissão de corridas de Maroñas.

Ler na íntegra