Banner Haras Regina Topo
28 Mai 2017 | 17:20:48

Irlanda: depois de Newmarket, Churchill e Winter dominam, também, os guinéus irlandeses

O fenomenal Galileo é pai da dupla que se consolida como os líderes da geração 2014 na Europa

Churchill anexou o quarto G1 à sua campanha

Imagem: Rte.ie

Após terem vencido, no início de maio, as 2000 e 1000 Guineas britânicas, Churchill e Winter voltaram a fazê-lo nas provas correspondentes disputadas em solo irlandês. E além de pertencer às mesmas conexões - da Coolmore - a dupla também tem entre si outro poderoso ponto de intersecção: ambos são filhos do fenomenal Galileo. 

Enquanto Lancaster Bomber ditava o ritmo do Tattersalls 2000 Guineas (gr.I, com € 300 mil de bolsa), Ryan Moore mantinha Churchill na quinta, e penúltima, colocação do lote. Sem que houvesse, todavia, grande distanciamento entre o ponteiro e o último colocado, Churchill assenhorou-se da primeira colocação num piscar de olhos, na altura dos 400 finais - assim que fora posto para correr por Moore.

Em vitória firme, Churchill cruzou o espelho 2 corpos e 1/2 à frente de Thunder Snow (Helmet), que vinha de protagonizar situação inusitada no Kentucky Derby (gr.I), quando negou-se a correr após a partida. Irishcorrespondent (Teofilo) foi o terceiro. Treinado por Aidan O'Brien (recordista de vitórias no páreo, com 11 troféus, o profissional levantou 7 das últimas 10 edições da corrida), Churchill assinalou 1:40.46 para a milha, na grama pesada. Esse foi o sétimo êxito de Churchill em 8 corridas, com destaque em seu retrospecto, ainda, para as conquistas dos Dewhurst Stakes (gr.I) e National Stakes (gr.I). Filho da matriz Meow (Storm Cat), Churchill foi criado na Irlanda pela Liberty Bloodstock e pertence a Michael Tabor, Derrick Smith & Susan Magnier. 

No páreo das fêmeas, por ocasião do Tattersalls 1000 Guineas (gr.I, também com € 300 mil de bolsa) algo semelhante ocorreu. Hydrangea (Galileo) - das mesmas conexões de Winter - cuidou do "trabalho sujo" ao puxar o train de corrida na dianteira, ao passo que Ryan Moore recolhia Winter à quarta colocação. Na seta dos 400 finais, Winter passou sem briga pelas corredoras que vinham à sua frente, e dali em diante somente fizera aumentar sua vantagem, até a meta.

Na linha final, Winter tinha 4 corpos e 3/4 sobre Hydrangea, que ainda resistiu na formação da dupla com vantagem mínima sobre Intricately (Fastnet Rock). Aidan O'Brien conquistou a sua sétima vitória na competição, igualando o recorde, assim, de Hubert Hartingan. Já Winter somou sua terceira vitória em 6 corridas. Tempo de 1:38.63 para a milha na raia pesada. Tendo Laddies Poker Two (Choisir) como mãe, Winter foi criada na Irlanda por Laddies Poker Two Syndicate.

Mais notícias

Resolução 01/2018 da Presidência da ABCPCC: Celeridade dos Processos de Exportação

Resolução 01/2018 da Presidência da ABCPCC: Celeridade dos Processos de Exportação 1) Os processos de exportação deverão tramitar, no âmbito do Stud Book Brasileiro, do modo mais célere possível, desde que recolhidos, antecipadamente, os emolumentos correspondentes; 2) Após numerado e autuado, individualmente, o processo de exportação será encaminhado para o presidente da ABCPCC que, no prazo máximo de 5 (cinco)... [continua ]

Ler na íntegra

IFHA divulga relação dos cinco laboratórios referenciais do turfe internacional

Além da criação do Comitê Designador de Laboratórios Referenciais, entidade abriu processo de credenciamento para laboratórios interessados na obtenção da certificação.

Ler na íntegra

ABCPCC informa: prazo para aquisição de coberturas disponíveis encerra-se hoje (30)

Coberturas de 27 reprodutores encontram-se disponíveis.

Ler na íntegra