Banner Haras Regina Topo
11 Jun 2018 | 21:55:33

Kusko Cat, com a assinatura de Esteves e Machado, encerra o festival carioca

Alazão do Stud Mendonça venceu a Prova Especial Quick Chance. Na retaguarda, os protagonistas do festival: Luis Esteves e Luan da Silva Machado.

Kusko Cat largou e acabou.

Imagem: Gérson Martins

Nesta segunda-feira (12), no Jockey Club Brasileiro, produtos de 3 e mais anos disputaram a Prova Especial Quick Chance, em 1.600m na pista de grama (pesada), que representou o derradeiro embate de chamada clássica do festival máximo do turfe nacional. Quase que num capricho do destino, eis que brilharam, no apagar das luzes, aqueles que, ontem, dominaram os holofotes, com Quarteto de Cordas: Luis Esteves (treinador) e Luan da Silva Machado (jóquei) venceram, na noite de hoje, com Kusko Cat, 4 anos, filho de Pounced e Paciência (Know Heights), de criação do Haras Di Cellius e propriedade do Stud Mendonça.

Kusko Cat mandou na prova desde a largada, sem dar qualquer chance aos adversários. Nem mesmo num fim de semana no qual as vitórias de atropeladas foram muito mais numerosas do que aquelas conquistadas de ponta a ponta, houve quem alcançasse Kusko Kat na reta de chegada.

Hard Trick (por Agnes Gold, 2 e ½) formou a dupla, finalizando Bebê Francês (por Roderic O’Connor, 3 e ½) em terceiro. Highlander Again (por Pioneering, 4 e ¼) e Capitólio (por Silent Times, 5 e ¼) no complemento do marcador.

A seguir: Vico, Cloud do Jaguarete, Jardim de Outono, El Shaklan, Imperial Castle, Lord Gui, Paint Naif, Cosmopolitan e Roi Plantagenêt. Não correu: Falcon Ruler.

Kusko Cat obteve a quinta vitória em 14 saídas. Relógios parados na marca de 1:36.58.

 

Mais notícias

ABCPCC informa: inscrições abertas para o Leilão de Coberturas ABCPCC 2017

Inscrições irão até o próximo dia 5 de maio

Ler na íntegra

Rumo ao Latino: Marlon prevaleceu na Prova Especial Dark Brown

Corredor do Haras Moema confirmou ótimo padrão na pista de areia e venceu a seletiva paulista para o GP Longines Latinoamericano (gr.I).

Ler na íntegra

IFHA informa: consultoria sobre amostras positivas

  Dados analíticos são fundamentais para reportar e investigar amostras que contenham substâncias proibidas. Estas são, por vezes, questionadas em inquéritos ou processos posteriores. Os objetivos do conselho revisor de dados analíticos (ADRB) da Associação dos Químicos de Corridas (AORC) estabelecidos em 2013 incluem aumentar a confiabilidade e aceitabilidade científica dos resultados informados, e auxiliar as autoridades regulatórias ao proporcionar... [continua ]

Ler na íntegra