03 Mar 2017 | 15:32:19

Latino 2017: Gladston e Venâncio buscam a glória no Chile

Experientes profissionais encilharão Deep End e Eleito no próximo domingo em Valparaíso

G.F.Santos (esq.) e V.Nahid apresentarão, respectivamente, Deep End e Eleito no GP Longines Latinoamericano de domingo

Imagens: Victor Corrêa e Gérson Martins

Radicados no Centro de Treinamentos Vale do Itajara, em Secretário, na serra fluminense, Gladston Figueiredo Santos e Venâncio Nahid são dois dos mais vitoriosos treinadores em atividade no turfe brasileiro. Vencedores das principais provas nacionais, ambos buscarão, no próximo domingo (5) a taça do Gran Premio Longines Latinoamericano (gr.I). "Gastão" encilhará Deep End. Já Venâncio deposita suas esperanças em Eleito.

"O cavalo está muito bem. A viagem foi excelente e esperamos uma ótima corrida. É um páreo muito difícil, equilibrado, mas estamos muito esperançosos", revela Gastão.

Treinador consagrado, principalmente, quando à frente da tropa Fazenda Mondesir na década de 1980, Gastão passou perto de vencer seu primeiro "Latino" ainda em 1985, quando a égua Bretagne - após uma acidentada reta final - terminou em quarto na prova vencida por Old Master, na Gávea (veja o replay abaixo). Trinta e um anos depois, no entanto, o profissional ingressaria no seleto lote de ganhadores do páreo, quando Some In Tieme (a exemplo de Deep End, pertencente a Oitavo Stud/Haras Princesa do Sul), em 2016, foi aclamado ganhador após a desclassificação de Don Inc, no Rio de Janeiro (veja o replay abaixo).

Caso Gastão volte a vencer a prova com Deep End, o treinador se tornará o segundo maior vitorioso, de sua classe, no rol de ganhadores. Atrás do líder isolado, João Luis Maciel, com 3 primeiros lugares (1991, 1994 e 1996), apenas o peruano Jorge Salas Veras (2008 e 2011) possui duas conquistas.

Já Venâncio chega ao compromisso desse domingo no intento de conseguir sua primeira vitória na competição internacional. Ganhador de 4 Grandes Prêmios São Paulo (gr.I) e de 3 Grandes Prêmios Brasil (gr.I) nos últimos 10 anos, Nahid passou muito perto de vencer o seu "Latino", todavia, por duas ocasiões. Primeiro em Cidade Jardim, no ano de 1991, num dos muitos - e históricos - "pegas" entre Flying Finn e Falcon Jet, quando seu conduzido escoltou o defensor do Haras Santa Ana do Rio Grande; e em 2010, quando Sal Grosso, no Club Hípico Santiago, no Chile, restou derrotado, em final mais do que controverso, pela craque local Belle Watling (veja o replay abaixo).

"Com o Flying Finn foi uma daquelas corridas memoráveis que ele protagonizou ao lado do Falcon Jet, sendo que eram eles dois os melhores cavalos do país na época. Tínhamos sempre a desvantagem de treinar no prado enquanto o Falcon Jet vinha da serra, mas ainda assim o Flying Finn conseguiu lhe derrotar em importantes corridas. Já anos mais tarde, aqui mesmo no Chile, mas no Club Hípico Santiago, e não em Valparaíso (onde ocorrerá o páreo desta feita) o Sal Grosso perdeu por cabeça para a Belle Watling, depois de ser prejudicado na reta. A meu ver era caso de desclassificação, mas o páreo foi confirmado na ordem... Talvez pelas circunstâncias daquele dia, a égua era idolatrada pelos turfistas e tudo o mais. Me recordo, inclusive, que assim que o disco foi cruzado inúmeros turfistas invadiram a raia. Mas são águas passadas", relembra o profissional. 

Especificamente sobre Eleito, Venâncio destaca a forma de seu pensionista, sua plena adaptação ao Chile e a similaridade entre o clima de Valparaíso e o da região serrana do Rio de Janeiro - no caso o "habitat" de Eleito. 

"O Eleito está num ótimo estado, muito disposto e comendo bem. Ele adapatou-se muito bem ao novo ambiente. Além do mais, o clima aqui em Valparaíso, e como se desenvolve a temperatura ao longo do dia, lembra bastante o que se passa conosco na serra, no Brasil. É uma região próxima ao mar, onde à noite e pela manhã é bastante fresco, mas ao longo do dia faz bastante calor", completa.

Mais notícias

Sangue não é água: filho de Zarkava venceu G1 na França

Defensor de Aga Khan conquistou o Grand Prix de Saint-Cloud (gr.I).

Ler na íntegra

Irlanda: depois de Newmarket, Churchill e Winter dominam, também, os guinéus irlandeses

O fenomenal Galileo é pai da dupla que se consolida como os líderes da geração 2014 na Europa

Ler na íntegra

Atropelada certeira fez de Electora a ganhadora do Clássico OSAF (L)

Potranca do Araras readquiriu seu melhor padrão de corrida.

Ler na íntegra