Banner Haras Regina Topo
04 Dez 2018 | 20:16:05

Mango Jangle, no Anchorena, é pré-inscrição solitária da criação brasileira no festival do Pellegrini

Relação de pré-inscritos foi divulgada hoje (4).

Mango Jangle deverá alinhar no embate dos milheiros.

Imagem: Porfírio Menezes/Divulgação JCSP

Os pré-inscritos para as provas de G1 que comporão a jornada máxima do turfe argentino, no próximo dia 15 de dezembro, foram revelados nesta terça-feira (4). Dentre todos os nomes assinalados, nas 3 provas de graduação máxima, apenas um brasileiro: Mango Jangle, um Cape Town, do Haras Phillipson, que representará a coudelaria no Gran Premio Joaquin S. de Anchorena (gr.I), a prova dos milheiros no festival do GP Carlos Pellegrini.

Inscrito pelo brasileiro José Luiz Aranha, Mango Jangle consta numa relação composta por outros 22 animais. Dentre eles, Nicholas, que pertencente ao Stud Nosotros – dos brasileiros Ernani Buffolo, João Boyadjian e Marcos Bottino – que é, justamente, o atual ganhador do páreo.

No Gran Premio Carlos Pellegrini (gr.I), em 2.400m na grama, para produtos de 3 e mais anos, 20 animais aparecem pré-inscritos. Além do vencedor de 2016, Sixties Song, e do atual derby winner argentino, For The Top, consta o nome do uruguaio Little Vicky, um filho de T. H. Approval, criado pelo Haras Phillipson (também seu proprietário) que recebe o treinamento de José Luiz Aranha.

Nada menos que 31 animais restaram pré-inscritos no Gran Premio Felix de Álzaga Unzue (gr.I), em 1.000m na raia de grama (a exemplo das outras duas provas, com chamada aberta para corredores de 3 e mais anos). Sinigual, do Haras La Providencia (da família brasileira, Depieri), foi anotado pelo brasileiro Pedro Nickel Filho.

As pré-inscrições deverão ser confirmadas na próxima segunda-feira (10). No dia seguinte, o sorteio das balizas.

Abaixo, os campos de cada páreo.

Mais notícias

High Chris aprova raia de grama e conquista o GP Presidente Vargas (gr.III)

Corredor do Stud Quintella deu manutenção à invencibilidade.

Ler na íntegra

Como manda o figurino: Flight Time larga e acaba no GP Estado do Rio de Janeiro

Filho de Put It Back, pertencente a Black Opal Stud, confirmou favoritismo na abertura da tríplice coroa.

Ler na íntegra

Tinindo, Fustic vence outro clássico em Las Piedras

Filha do precocemente desaparecido Quick Road é "cria" Calunga

Ler na íntegra