Banner Haras Regina Topo
12 Jul 2018 | 20:05:03

Mercado: em alta, Fasig-Tipton abre temporada dos leilões de potros

Tradicional leilão, reunindo produtos de sobreano, deu início à temporada das vendas de potros e potrancas no mercado norte-americano. Movimento geral e média aumentaram em relação ao ano passado.

Silverstronguedevil, um macho, por Flatter, alcançou o maior preço do leilão, em 2018: US$ 520 mil.

Imagem: Blood Horse/Anne Erbhardt

No último dia 10 de julho, foi realizado, no Kentucky, o Fasig-Tipton July Sale. Primeiro leilão de maior calibre nas vendas de potros e potrancas de sobreano, nos Estados Unidos, o evento acusou alta, no movimento geral e também na média, em comparação aos resultados de 2017 – rendendo, assim, boas perspectivas para o restante da temporada.

No posto de lote mais valorizado do leilão esteve Silvertonguedevil, um macho, nascido no dia 29 de janeiro de 2017, consignado pela Lane’s End. Filho de Flatter e No Curfew (Curlin), restou adquirido, no valor de US$ 520 mil, por Al Rashid Stable. A segunda mãe, Misty Hour (Miswaki), notabilizou-se como avó materna dos ganhadores de G1 To Honor And Serve e Angela Renee.

Já a potranca não nominada, nascida em 21 de março de 2017, filha de Strong Mandate e Fly The Flag (Giant’s Causeway), posta no leilão por Denali Stud, figurou como a fêmea mais valorizada e o segundo maior preço das vendas – ao alcançar US$ 435 mil no arremate de Alex & Jo Ann Lieblong. Na linha materna, nomes de peso do turfe norte-americano: a segunda mãe, My Flag (Easy Goar), múltipla ganhadora de G1 e também produtora de G1. A terceira, ninguém menos que Personal Ensing (Private Account), uma das mais emblemáticas éguas – dentro e fora das pistas – da era moderna do turfe norte-americano.

Conforme estatística publicada por Ron Mitchell no website da Blood Horse, os 196 animais efetivamente comercializados movimentaram US$ 19.762.500,00 contra US$ 16.107.000,00 atingidos por 172 vendas no ano de 2017, representando aumento de 22,6% no movimento geral. A média igualmente aumentou, em comparação com o ano passado: US$ 100.829,00 contra US$ 93.645,00 – num acréscimo de 7,7% nos preços.

O número de lotes que não alcançaram o preço mínimo, por fim, sofreu leve aumento: 30,5% dos lotes ofertados no ringue desta feita, em confronto com 29,5% dos produtos oferecidos e não comercializados, em 2017.

Mais notícias

Maroñas: em final de rigor, Oggigiorno prevalece no "General Artigas"

Filho de Pioneering superou Legion Cat e Gandhi Di Job para somar outro tento clássico à sua campanha

Ler na íntegra

Trinca clássica é atração do fim de semana em Cidade Jardim

Em meio às festividades de Momo, o turfe brasileiro encerrará sua programação de fim de semana com um simulcasting entre Cidade Jardim e Gávea nesse sábado - uma vez que não haverá corridas no domingo, tampouco na segunda-feira de carnaval. E não havendo atrações da chamada clássica na Gávea, os principais chamarizes em termos técnicos no fim de semana passam... [continua ]

Ler na íntegra

Aigua, perfeita no GP 25 de Janeiro (gr.II)

Filha do nacional Molengão, de propriedade do Haras Rio Pardo, conquistou a mais importante vitória da campanha, até aqui.

Ler na íntegra