Banner Haras Regina Topo
28 fev 2017 | 19:03:56

Na areia, Orpheus foi perfeito no Clássico Câmara Municipal de São Paulo (L)

Disputado nesse sábado (25), no Jockey Club de São Paulo, o Clássico Câmara Municipal de São Paulo (L), em 1.400m na areia, para produtos de 3 e mais anos, quem se sobressaiu foi o argentino Orpheus, 5 anos, filho de Forestry e Ora Ora (Lycius), de criação do Haras Santa Maria de Araras e de propriedade do Stud Jaguaretê.

Imagem: Marília Lemos

Impulsionado por Nelito Cunha, Orpheus foi o primeiro a aparecer no pique de partida. Porém, logo Faldo (Public Speaker) encostou no ponteiro. Tchê Barbaridade (Elusive Quality), Blessed Tiger (Amigoni), Kitikero (Shirocco), Poseidon (Hard Buck), Ultra-Rápido (Refuse To Bend) e Ochentón (Amigoni) disputavam as posições seguintes. 

No início da grande curva, Faldo fez a diagonal e assumiu a primeira colocação, e Orpheus passou para terceiro, ficando mal pela cerca interna e Kitikero acionava por fora na segunda posição. Faldo entrou na tiro final na primeira colocação, mas deixou uma brilhante passagem para Orpheus no interno da pista. Na seta dos 500 metros, Nelito Cunha passou limpo pela cerca. O castanho manteve seu ritmo na dianteira, e seus adversários, em momento algum, causaram qualquer impressão de que pudessem juntar-se à briga pela vitória. E ao receber um pequeno incentivo do seu jóquei, Orpheus administrou sua vantagem, vencendo por 2 corpos e 1/4. Kitikero, que acionou nos metros finais, foi o segundo. Ultra-Rápido (3 e 3/4), Tchê Barbaridade (4 e 3/4), Faldo (8 e 1/4), Blessed Tiger (9 e 3/4), Poseidon (13 e 3/4) e Ochentón (25 e 1/2) chegaram depois. 

No treinamento de Mário André, Orpheus conquistou a sua décima primeira vitória, em 30 apresentações. O castanho marcou o tempo de 1:20.861 para os 1.400 metros da pista de areia pesada.

Mais notícias

Turfe 2018: do clube à indústria

por Sérgio Barcellos.

Ler na íntegra

Bóris do Jaguaretê demonstra sobras entre os fundistas

Defensor do Stud Jaguaretê não encontrou dificuldades para vencer a Prova Especial Narvik.

Ler na íntegra

Mucho Fon e Rainha da Lagoa abrem as tríplices coroas em Porto Alegre

A quinta-feira (16) de 8 corridas em Porto Alegre foi bastante movimentada. Isso porque o Jockey Club do Rio Grande do Sul promoveu hoje a abertura de suas tríplices coroas, sendo que couberam a Mucho Fon e Rainha da Lagoa as vitórias nas provas inaugurais, que fazem deles, agora, os candidatos aos respectivos títulos.

Ler na íntegra