Banner Haras Regina Topo
06 Jan 2018 | 21:47:14

Nogueirinha supera Zuzu Bem no Clássico Baronesa Marie Blanche Von Leithner (L)

Potranca do Stud Hole In One conquistou batismo clássico na capital paulista.

Nogueirinha bateu Zuzu Bem em final acirrado

Imagem: Marília Lemos

Derradeiro embate de chamada clássica neste sábado (6), em Cidade Jardim, o Clássico Barão e Baronesa Von Leithner (L), em 1.600m na pista de grama (macia, com 7m de cerca móvel), para éguas de 3 e mais anos, marcou a vitória de Nogueirinha, 3 anos, filha de Soldier of Fortune e Ijubinha (First American), de criação do Haras Santa Camila e propriedade do Stud Hole In One.

Été A Paris (Drosselmeyer) fez questão da ponta, após a partida. Em segundo corria Holy Byblos (Holy Roman Emperor), com Great Vista (Pioneering) aparecendo em terceiro. Brave Caroline (Elusive Quality) acionava em quarto. Nogueirinha seguia entre as últimas.

Na cabeceira da curva, Holy Byblos assumiu a primeira colocação e Great Vista passou para segundo, deixando Été A Paris em terceiro. Na abordagem do tiro direto, Holy Byblos e Great Vista giraram separadas por pequena margem, em favor da defensora do Haras Kigrandi.

Por melhor que fosse a impressão dada por Great Vista, Holy Byblos endureceu, junto à cerca. Great Vista tinha seus avanços neutralizados pela oponente. De trás, surgiram, em fortes atropeladas, Nogueirinha e Zuzu Bem (First American).

Avançando emparelhada, a dupla de potrancas ingressou na briga pela ponta, com Holy Byblos, a 250 metros do disco. Com melhor ação, as mais novas deixaram Holy Byblos para trás, nos 150 finais. e trataram de disputar a vitória, num bonito duelo. Castigada na mão canhota de Marcos Ribeiro, Nogueirinha superou Zuzu Bem por cabeça.

Holy Byblos foi a terceira. Una Península (Molengão), com percurso infeliz, atropelou para ficar com a quarta colocação. Great Vista no complemento do placar. Depois, Brave Caroline e Marica’s Mon (Watchmon).

Treinada por Eduardo Garcia, Nogueirinha obteve a terceira vitória (primeira clássica) em 4 atuações. Tempo de 1:35.90.

Mais notícias

Last Hope vence e convence no Clássico Much Better (L)

Arenático da Coudelaria Jéssica confirmou seu favoritismo no melhor páreo da noturna de terça-feira (15), no Jockey Club Brasileiro.

Ler na íntegra

Jockey Club do Paraná: logo mais, as preparatórias da semana máxima local

Programação dessa quinta-feira (17) contará com 9 páreos, incluindo os testes para o Grande Prêmio Paraná 2017.

Ler na íntegra

"Champion sprinter", Wenzel Blade é retirado à reprodução

Melhor velocista do Brasil, e da América do Sul, em 2016 servirá na Coudelaria Colaço, em Piraquara/PR

Ler na íntegra