Banner Haras Regina Topo
17 Mar 2017 | 17:49:08

Nostalgie é atração em lista de pré-inscritas na Gávea

Filha de Fluke não corre desde a vitória na Taça de Prata, em São Paulo

Nostalgie deu um show na Taça de Prata do ano passado

Imagem: Porfírio Menezes/Divulgação JCSP

Em meio às pré-inscritas do Grande Prêmio Euvaldo Lodi (gr.III), divulgadas pela comissão de corridas do Jockey Club Brasileiro, e que se enfrentarão em competição marcada para 26 de março na Gávea, aparece o nome de Nostalgie. A corredora do Stud Vail Valley é um dos destaques entre as fêmeas da geração 2013 no Brasil e não presenteia os turfistas do país desde sua vitória no Grande Prêmio Margarida Polak Lara - Taça de Prata (gr.I), em agosto do ano passado, no Jockey Club de São Paulo.

Outro destaque da reduzida, porém brilhante, produção do nacional Fluke - neste caso cruzado com a matriz Chérie Gigi (Roi Normand) -, Nostalgie consta ao lado de outras 7 éguas na relação de pré-inscritas: Domenica, Escocia, Extreme Justice, Ilha de Páscoa, Pesca Esportiva, Punta e Tattinger. 

Treinada em Secretário/RJ por Venâncio Nahid, Nostalgie, além de sua já mencionada conquista na Taça de Prata, também conta com uma vitória, em sua estreia, no mês de junho do ano passado. Em meio ao meeting do GP Brasil, a crioula do Haras Doce Vale venceu uma eliminatória destinada a potrancas - então de 2 anos - perdedoras, por 4 corpos e 1/2, na raia de areia da Gávea.

Mais notícias

Com novas regras do fisco, apostas realizadas no hipódromo, durante a Breeders’ Cup, crescem 21,4%

Novas regras do tesouro norte-americano sobre apostas “na pedra” coincidiram com crescimento significativo no movimento geral do festival.

Ler na íntegra

Gun Runner confirma favoritismo na Pegasus World Cup: despedida de campeão

Alazão que tem, como um de seus proprietários, o brasileiro Gonçalo Torrealba, colocou um ponto final na excelente campanha ao vencer a Pegasus World Cup (gr.I), em Gulfstream Park.

Ler na íntegra

Especial Leilão da Criação Nacional: Haras Regina

Universal Law: de corredor destacado à promessa na reprodução Imagem: Porfírio Menezes/Divulgação JCSP Tradição de tempos passados que se confunde com fortes investimentos em tempos atuais. Talvez essa seja a tônica da atuação de Sergio Luis Coutinho Nogueira, por meio do seu Haras Regina, na indústria turfística nacional. A priori uma farda atuante em leilões de outrem, agora a coudelaria também... [continua ]

Ler na íntegra