Banner Haras Regina Topo
11 Nov 2017 | 21:23:25

Sea Dream conquista o Grande Prêmio Diana (gr.I)

Filha de Drosselmeyer defende a farda da Fazenda Mondesir.

Sea Dream: GP Diana para a coleção da Fazenda Mondesir

Imagem: Marília Lemos

Primeiro embate de graduação máxima do sábado (11), em Cidade Jardim, o Grande Prêmio Diana (gr.I), 3ª prova da tríplice coroa de éguas, em 2.000m na pista de grama (pesada), para potrancas de 3 anos, marcou a convincente vitória de Sea Dream, filha de Drosselmeyer e Makeover (Giant’s Causeway), de criação e propriedade da Fazenda Mondesir.

No intento de puxar o ritmo do páreo para Lepate Goose (T. H. Approval), Lovisin The Air (T. H. Approval) assumiu a dianteira. Ganhadora do GP Henrique de Toledo Lara (gr.I), Love Your Look (Setembro Chove) corria em segundo. Galang (Amigoni) aparecia no terceiro posto, seguida por Libertina (Rock of Gibraltar) e Sea Dream, que encerravam o grupo das cinco primeiras colocadas.

Na cabeceira da curva, Marcos Ribeiro acelerou Love Your Look, que assumiu a primeira colocação. Lovisin The Air aparecia no segundo posto, com Galang e Sea Dream correndo na sua pegada. Na segunda metade da curva, Lovisin The Air voltou a carga pela cerca, sacando ligeira vantagem sobre Love Your Look.

Galang tomou conta do páreo na seta dos 400 finais. Todavia, Sea Dream e Zuzu Bem (Redattore), por fora da ponteira, logo emplacaram seus arremates. Lepate Goose tentava embalar, mais de trás. Castigada por Waldomiro Blandi, Sea Dream partiu com tudo para cima de Galang, a 300 metros do disco. Com melhor ação, Sea Dream passou para primeiro nos últimos 200.

Dali em diante, Sea Dream somente fez aumentar a margem, até o disco, que cruzou 4 corpos e ¼ à frente de Lepate Goose. Zuzu Bem (4 e ½) ficou com a terceira colocação, deixando Love Your Look (6 e ¾) e Aigua (Molengão, 7 e ¼) no complemento do marcador.

Depois, Galang, Sigillaria, Tantiny, Flackellilie, Libertina, Girl Parisiense e Lovisin The Air.

Inscrição de Manoel Paulo (Rio de Janeiro/RJ), Sea Dream obteve a segunda vitória (primeira clássica) em 8 corridas. Os dois quilômetros foram percorridos em 2:02.92, com finais de 25.52 e 13.08.

Mais notícias

Breeders’ Cup: com prazo prorrogado, brasileiros terão até dia 31 de janeiro para nomear garanhões

Para John Fulton, nomeações são atrativos para investidores norte-americanos.

Ler na íntegra

SporTV exibe matéria sobre o lado turfista de Paolo Guerrero

Relação do atacante do Flamengo junto aos cavalos voltou a ser destacada pela grande mídia

Ler na íntegra

Mercado: Salto Olímpico e January Jones seguem para a Ásia

Algumas semanas após Esfinge ter sido adquirida por investidores japoneses, outros dois animais PSI criados no Brasil tiveram seladas as suas negociações junto a proprietários asiáticos. Em operações intermediadas pela Agência TBS, Salto Olímpico e January Jones seguirão suas respectivas carreiras - ele de corredor, e ela de matriz - na Ásia.

Ler na íntegra