Banner Haras Regina Topo
11 mar 2019 | 13:02:33

Ya Primo repete exibição do Derby e vence o GP Longines Latinoamericano (gr.I)

Chilenos ocuparam os cinco primeiros postos na prova disputada em sentido anti-horário.

Ya Primo venceu com facilidade.

Imagem: Marília Lemos

No Club Hípico Santiago, produtos de 3 e mais anos disputaram, no domingo (10), a 35ª edição do Gran Premio Longines Latinoamericano (gr.I), em 2.000m na pista de grama (sentido anti-horário), com US$ 500 mil de dotação. Vitória do atual derby winner chileno, Ya Primo, 3 anos, filho de Mastercraftsman e Yo Quisera (Special Quest), de criação do Haras Don Alberto e propriedade do Stud La Pacita.

Mantido no centro do pelotão, por Jeremy Laprida, Yo Primo acompanhou, à distância, o ritmo frenético emplacado por Brown Storm (Scat Daddy), que liderou a prova até os últimos 200 metros. Nessa altura, Ya Primo ultrapassou o ponteiro, sem briga, arrancando, com disposição, para o disco.

Nombar, a 3 corpos e ¾, formou a dupla do treinador Guillermo Aguirre, bem como do reprodutor Mastercraftsman, que figura como um dos destaques da nova geração de reprodutores da Coolmore. Brown Storm foi o terceiro, finalizando os também chilenos Penn Rose (Dylan Thomas) e El Expresso (Tumblebrutus) no complemento do marcador.

Fillmore (por Wild Event, de Black Opal Stud), que chegou a dar alguma impressão na entrada da reta, foi o décimo segundo. Hassenah (por Red Runner, do Stud A.M.L.), a décima quarta.

Ya Primo obteve a quinta vitória em 9 saídas. Além do Derby Chileno (gr.I), venceu o Clásico Juan S. Jackson (gr.II) e o Clásico Preparacion Luis Cousino (gr.III). Essa foi a última apresentação de Ya Primo, na América do Sul. O corredor, que teve parte de sua propriedade adquirida por Sol Kumin, seguirá campanha nos Estados Unidos, sob os cuidados de Chad Brown. Tempo de 1:56.68.

A vitória de Ya Primo confirmou 100% de aproveitamento dos chilenos, em edições do páreo realizadas no Club Hípico Santiago.

Na mesma reunião, éguas de 3 e mais anos disputaram a Longines Cup Luis Campino (gr.III), em 1.800m na grama. Venceu Lluvia de Plata, 3 anos, filha do nosso conhecido Holy Roman Emperor e Lluvia Impactante (Total Impact), de criação e propriedade do Haras Don Alberto. Para Holy formou a dobrada das filhas de Holy Roman Emperor treinadas por Guillermo Aguirre – a exemplo do que ocorreu no Latinoamericano. A ganhadora foi conduzida por B. Leon e parou os relógios no tempo de 1:46.21. A brasileira Miss Carola (por T. H. Approval, do Haras Phillipson) finalizou em décimo quarto.

Mais notícias

Uruguai: Pushkin conquista Criterium para criação brasileira

Filho de Pioneering é de criação do Haras Belmont Ltda.

Ler na íntegra

Pela primeira vez, norte-americanos apostaram em corridas brasileiras

Quatorze páreos das euniões de segunda-feira (15) e terça-feira (16), na Gávea, foram transmitidas pelo sistema de Gulfstream Park, resultando movimento de US$ 205 mil.

Ler na íntegra

High Chris impõe sua categoria no GP Professor Nova Monteiro (gr.III)

Defensor do Stud Quintella mantém-se invicto na raia de areia.

Ler na íntegra