Banner Haras Regina
07 Abr 2017 | 20:17:42

Especial Leilão da Criação Nacional: Haras Fazenda Caporanga


Ativo desde 1977, o Haras Fazenda Caporanga está localizado em Santa Cruz do Rio Pardo, Estado de São Paulo

Imagem: Marília Lemos

Distante cerca de 300 quilômetros da capital paulista, o Haras Fazenda Caporanga compõe o rol de criadores PSI localizados no estado bandeirante. Localizado em Santa Cruz do Rio Pardo, o estabelecimento representa, acima de tudo, a paixão pelo cavalo.

“Sou um apaixonado pelo cavalo. Comecei a criar em 1977, ainda com animais da raça manga larga”, explica Ivan Cardoso Barbosa, o titular do Haras Fazenda Caporanga. 

E por mais que não tenha sido a primeira raça a ser criada pelo Caporanga, o cavalo PSI já atraía, de longa data, a atenção de seu proprietário: na década de 1950, o argentino Gualicho, ao se sagrar bicampeão tanto do Grande Prêmio São Paulo, quanto do Grande Prêmio Brasil, entre os anos de 1952 e 1953, saltou aos olhos do citado criador como o melhor animal que já vira competir na vida – opinião esta que sustenta até hoje.

Amado Fighter: vencedor do "Consagração" é considerado o melhor defensor de Ivan Cardoso Barbosa

Imagem: Paulo Bezerra Jr.

Um dos líderes da geração 2000, Amado Fighter é tido por Ivan como o seu mais destacado defensor. Ganhador do Clássico Pres. Herculano de Freitas (L) no início de sua campanha, o alazão nascido no Haras Bagé do Sul, flertaria com uma nova vitória, nas atuações seguintes, até que, ao final de 2003, o tão esperado êxito aconteceu. Foi ele o vitorioso no Grande Prêmio Consagração (gr.I) daquele ano. Após encerrar sua campanha, Amado Fighter foi incorporado à reprodução, já tendo revelado, inclusive, ganhador clássico: Coisa de Louco, criado pelo próprio Haras Fazenda Caporanga, venceu o Clássico 9 de Julho (L), em Cidade Jardim, no ano de 2011.

Além de Bathel, outro corredor relembrado com carinho por Ivan, os nomes de Kitikero (vencedor de listed race contra ninguém menos que Wenzel Blade), Tum Tum Tum (PE Rafael de Barros Filho), Savoir Vivre (Clássico La Garufa) e Baita Alegria (Clássico Senador Pinheiro Machado) são outros destacados representantes da criação Caporanga. Na atual geração de 2 anos, Blaster (Inexplicable), terceira em prova especial na Gávea e segunda em G3 na capital paulista, é um dos nomes de realce na turma de fêmeas.

Crioulo do Caporanga, Kitikero bateu Wenzel Blade em listed race no início da temporada

Imagem: Marília Lemos

No Leilão da Criação Nacional ABCPCC 2017, o Haras Fazenda Caporanga apresentará os seguintes produtos da geração 2015: 

Click - fêmea, por Crafty C.T. e Ahi Por Ahi (Wild Event)

Carapução - fêmea, por Inexplicable e Blessed Valley (American Gipsy)

Clique aqui e acesse o catálogo do Leilão da Criação Nacional ABCPCC 2017 - etapa São Paulo.