17 ago 2021 | 02:13:09

Amor I Love You levanta o Clássico Luiz Gurgel do Amaral Valente (L.)

Velocista do Stud Eterno Amor conquistou o último clássico do festival máximo.


Amor I Love You, por dentro, resistiu aos ataques de John Bull

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Acompanhando de camarote o train vivo da competição, Amor I Love You veio na hora certa para superar os velozes Original Cash e Efetivo Bull, e aparar o ataque do potro John Bull para levantar o Clássico Luiz Gurgel do Amaral Valente – Taça Criação e Turfe Paranaenses (L.). A carreira, a quarta nobre da excelente reunião de segunda-feira, 16 de agosto, no Hipódromo da Gávea, foi realizada em 1.200 metros, areia pesada.

Original Cash e Efetivo Bull saíram velozes e imprimiram um train digno das melhores pencas de Carazinho. Orginal Cash não deixou a cerca para o favorito, e Efetivo Bull tentou ultrapassar a rival na reta oposta e durante toda variante, sem sucesso. Sem ter nada com isso, Amor I Love You acompanhava tudo na terceira posição, não muito longe dos dois da frente. Fogo Supremo, John Bull, Cantalona e Jersey Cat vinham depois.

Na reta, quando o ritmo alucinante cobrou seu preço, Amor I Love You passou por Original Cash e Efetivo Bull (que seguiam brigando) sem muita luta. Engrenado, John Bull veio em busca de Amor I Love You. Porém, na tocada de Wesley da Silva Cardoso, a farda tricolor de Amor I Love You passou na frente, deixando o promissor John Bull na dupla. Cantalona, a terceira, também passou por Efetivo Bull e Original Cash, que esmoreceram e completaram o placar.

Mandado à pista em forma espetacular, como de hábito, por Roberto Morgado Jr – com supervisão de seu filho, Roberto Morgado Neto – , Amor I Love You é um 4 anos, filho de Kodiak Kowboy e Letra de Samba, por Point Given, criado pelo Haras Santa Rita da Serra. Na sua quarta vitória, a primeira nobre, Amor I Love You parou os cronômetros em 1min12s13.

Mais notícias

Maroñas: Olympic Harvard, Bet Law e Bang Bang Boom comandaram final de semana brasileiro.

Veterano corredor do Haras Regina venceu o Gran Premio Comparacion (G2), velocista do Haras Calunga/Stud Crespi conquistou o Clásico Francia (L) e crioulo de Niju/Eternamente Rio levantou o Clásico Bizancio Y Sloop (L).

Leilão da Criação Nacional: filhos de Public Purse e Shanghai Bobby são os preços mais altos

Lotes oferecidos pelos Haras Calunga e Santa Luzia da Água branca alcançaram R$ 90 mil, cada

Quem será o melhor velocista do Brasil?

Grande Prêmio Major Suckow (gr.I) promete fazer tremer a pista carioca.