11 mar 2017 | 21:52:29

Bravo! Bal A Bali arranca para vence o seu primeiro G1 nos Estados Unidos

Super craque brasileiro não corria desde junho do ano passado


Bal A Bali alcança What A View nos metros finais: craque brasileiro venceu seu primeiro G1 nos EUA

Imagem: Santa Anita Park

Da "quase" aposentadoria à glória suprema. 

Se no final de 2016 quase foi consumada a aposentadoria de Bal A Bali (que chegou a ser incluído na lista de garanhões da Calumet Farm para 2017), nesse sábado (11) o super craque brasileiro comprovou que a decisão de seus responsáveis, de lhe manter em corrida, foi a mais acertada possível. Mesmo sem correr desde junho do ano passado, o crioulo do Haras Santa Maria de Araras levantou o Frank E. Kilroe Mile Stakes (gr.I), em 1.600m na raia de grama, para produtos de 4 e mais anos, com US$ 400 mil de dotação, disputado em Santa Anita Park, na Califórnia. 

Com Javier Castellano no comando de suas rédeas, Bal A Bali acionou em quarto, durante a maior parte do tempo, enquanto What A View (Vronsky), que vencera esse mesmo páreo em 2016, liderava as ações. Sempre pelos paus, o brasileiro passou para terceiro na curva, ao passo que Dortmund (Big Brown) sobrava para quarto.

Abordado o tiro direto, Castellano sacou Bal A Bali por fora de Conquest Enforcer (Into Mischief) e dera início a uma emocionante perseguição a What A View. E mostrando que, além de uma incrível capacidade locomotora, Bal A Bali também é dono de um enorme coração, o brasileiro entregou-se por completo para alcançar What A View nos lances decisivos do páreo. No disco, um pescoço garantiu a vitória de Bal A Bali, com Bolo (Temple City) terminando em terceiro.

Treinado por Richard Mandella (que ao dar um show pelo reaparecimento vitorioso de Bal A Bali voltou a confundir a sua história com os feitos do PSI brasileiro nos Estados Unidos), Bal A Bali conquistou a sua décima quarta vitória em 23 apresentações. Depois de fazer história em seu país natal, onde sagrou-se tríplice coroado na Gávea, vencedor do GP Brasil (gr.I) e recordista, Bal A Bali embarcou para o Hemisfério Norte no segundo semestre de 2014, ao ser vendido pelo Stud Alvarega à Fox Hill Farm & Sienna Farms.

Antes mesmo de estrar nas pistas norte-americanas, todavia, Bal A Bali enfrentou o maior desafio de toda a sua vida: a laminite. Numa árdua batalha de toda uma equipe médica despendida por seus proprietários, Bal A Bali, todavia, não apenas sobreviveu à séria enfermidade como pode dar sequência à sua campanha, então nos Estados Unidos. No exterior, Bal A Bali somava até a conquista deste sábado duas vitórias (uma clássica; no American Stakes (gr.III) de 2015) em 10 corridas, além de 7 colocações clássicas. 

Competindo pela primeira vez sob a farda da Calumet Farm, Bal A Bali correu a milha em 1:33.86.

Mais notícias

Na Gávea, Efetivo Bull conquista mais um troféu

Velocista do Stud Happy Again levantou o Clássico São Francisco Xavier (L).

Em atropelada irresistível, Ouro da Serra conquista o GP Governador do Estado (gr.II)

Defensor de Márcia Guidorzi Buffolo levou a melhor no embate dos milheiros.

Sea Dream conquista o Grande Prêmio Diana (gr.I)

Filha de Drosselmeyer defende a farda da Fazenda Mondesir.