Banner Haras Regina Topo
29 mar 2019 | 12:09:59

Com Almond Eye na pista, Meydan sedia mais uma Dubai World Cup

Craque japonesa, inscrita na Dubai Turf, é atração no festival milionário de Dubai. Bolsa global alcança US$ 34 milhões.

Tríplice coroada e vencedora da Japan Cup, Almond Eye disputará a Dubai Turf (gr.I).

Imagem: Getty/Thoroughbred Daily News

Se na última Breeders’ Cup, Enable roubou a cena e fez da Breeders’ Cup Turf (gr.I) prova tão atrativa ou mais do que a própria Breeders’ Cup Classic (gr.I), neste sábado (30), em Meydan, ocorrerá algo semelhante. Estrela do turfe japonês, a potranca Almond Eye alinhará no G1 da Dubai Turf, que, também em razão disso, concorrerá, em termos de destaque, com a Dubai World Cup (gr.I), páreo central do meeting árabe.

Tríplice coroada e vinda de derrotar os machos, em recorde, na Japan Cup (gr.I), a filha de Lord Kanaloa cumprirá sua primeira exibição fora de seu país de origem. Terá pela frente, dentre outros adversários, a também japonesa Vivlos (Deep Impact), vencedora do páreo em 2017 e segunda colocada em 2018, além do vencedor de G1 em Ascot, Without Parole (Frankel). O páreo, que será disputado na distância dos 1.800m na raia de grama, distribuirá US$ 6 milhões em prêmios.

Nona e última corrida da programação, a Dubai World Cup (gr.I), em 2.000m na pista de areia, para produtos de 3 e mais anos, chama atenção, principalmente, pela frondosa bolsa de US$ 12 milhões. Atual vencedor do páreo, Thunder Snow (Helmet) poderá tornar-se o primeiro animal e vencer a prova pela segunda vez, desde que sua disputa foi inaugurada, em 1996. No caminho do defensor da Godolphin, destaca-se Capezzano (Bernardini), invicto na atual temporada, em Dubai, e que vem de derrotar o próprio Thunder Snow no Al Maktoum Challenge Round 3 (gr.I). O japonês Yoshida (Heart’s Cry), além de Gunnevera (Dialed In) e Audible (Into Mischief) – os três treinados nos Estados Unidos – são outros animais de boas possibilidades.

Além dos páreos acima mencionados, serão disputadas a Dubai Mile (gr.II, 1.600m, areia, para produtos de 3 e mais), Dubai Gold Cup (gr.II, 3.200, grama, para produtos de 3 e mais), Al Quoz Sprint (gr.I, 1.000m, grama, para produtos de 3 e mais), UAE Derby (gr.II, 1.900m, areia, para produtos de 3 anos), Dubai Golden Shaheen (gr.I, 1.200m, areia, para produtos de 3 e mais) e Dubai Sheema Classic (gr.I, 2.400m, grama, para produtos de 3 e mais). Ao todo, as provas destinadas aos animais PSI, no festival, ofertam uma bolsa global de US$ 34 milhões.

Mais notícias

França: Persian King e Castle Lady marcam predomínio da Godolphin

Coudelaria do Sheikh Mohammed bin Rashid Al Maktoum brilhou tanto na Poule D’Essai des Pouliches quanto na Poule D’Essai des Poulains.

Ler na íntegra

Dez pagam added para o GP Ipiranga. Hembra acompanha 9 nomes na lista das potrancas

Pré-inscrições foram divulgadas pela comissão de corridas do Jockey Club de São Paulo.

Ler na íntegra

Criação: Darley aposenta Elusive Quality

Garanhão de 27 anos e dono de sucesso intercontinental visitou, por duas vezes, campos brasileiros.

Ler na íntegra