03 ago 2022 | 16:09:41

Copa ABCPCC Velocidade Mário Belmonte Moglia: o quilômetro à procura de um novo rei

Numa temporada em que as fêmeas dominaram as provas de G1 no quilômetro, os machos têm, no páreo homenagem ao fundador do Haras Fronteira, a chance de retomar o trono.


Mário Moglia rendeu enorme legado à criação nacional.

Imagem: Arquivo JCB

Sobram adjetivos para qualificar a importância de Mário Belmonte Moglia para a criação do cavalo puro sangue inglês no Brasil. Um dos desbravadores de Bagé e região, Mário teve papel fundamental no estabelecimento de plantéis e no desenvolvimento da atividade naquela parte do país que, atualmente, concentra a maior parte dos criadores e do próprio PSI brasileiro, além, é claro, dos grandes investimentos realizados pelos participantes da indústria lá radicados.

Com o Haras Fronteira, Mário fez história. Derbies, Dianas, Grandes Prêmios Brasil e São Paulo. Não falta nada à prateleira de sua criação, que, ainda, deu-se ao luxo de criar um dos mais brilhantes representantes do cavalo brasileiro, no exterior: Pico Central, que, no início deste século, enfileirou provas e mais provas de G1 nos Estados Unidos, justamente nas pista e distância de maior predileção dos corredores norte-americanos.

Mário Belmonte Moglia empresta seu nome, anualmente, à prova de velocidade da Copa dos Criadores, que ostenta graduação de G3 e é disputada por produtos de 3 e mais anos, em 1.000 metros na gama.

Em 2022, In Essence e Oriana do Iguassu fizeram com que as duas provas de graduação máxima do calendário brasileiro destinadas a velocistas – GGPP Major Suckow e ABCPCC, respectivamente – tivessem em fêmeas as suas vencedoras. Desta feita, porém, nenhuma das duas se fará presente ao quilômetro da Gávea. Nisso, surge a oportunidade de os machos retomarem para si o trono da velocidade nacional.

Lord Gold, que não conhece derrota, tenta seu primeiro black type.

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Invicto em duas saídas, Lord Gold (por Agnes Gold, de criação do Haras Anderson e propriedade do Haras Sweet Carol) apanhou a baliza um e poderá emplacar vitória de bandeira a bandeira. Na sua primeira experiência contra os mais velhos, o alazão derrotou o ótimo Vôo de Ícaro na Prova Especial Mensageiro Alado, durante os festejos do GP Brasil. Unorthodox (por Tiger Heart, de criação de Roberto Belina e propriedade do Stud Sampaio), que vem de finalizar em quarto no “Suckow”, encontra-se cada vez mais aguerrido e é outro que promete atuação de luxo – num páreo com “pinta” de duelo com hora marcada.

Padrão de regularidade nas raias de grama e areia, It’s Well (por Puti It Back, de criação do Haras Santa Maria de Araras e propriedade do Stud Menegotto, tentará, ao lado do potro (ainda perdedor e que correu, somente, uma vez até aqui) Love Time (por Phone Time, de criação do Haras Anderson e propriedade do Stud Eternamente Rio) emplacar grande surpresa para cima da dupla de favoritos.

A Copa ABCPCC Velocidade Mário Belmonte Moglia (G3) será disputada no 4º páreo do próximo domingo, na Gávea, e está marcada para as 16h05.

A COPA DOS CRIADORES ESPERA POR VOCÊ!

Mais notícias

RS: Sangue Missioneiro e Duches Bull dão as cartas em meio aos mais novos

Produtos de Bold Start e Benny The Bull venceram os Clássicos J. A. Flores da Cunha e Oswaldo Aranha, assumindo a liderança da nova geração, em Porto Alegre.

Voando Sorrindo emplaca na Prova Especial Criolan

Filho do nacional Voando Baixo fez brilhar a farda do Stud Eternamente Rio.

Copa dos Criadores: produtos da geração 2019 poderão ser inscritos até o último dia de outubro

Modalidade de inscrição tardia visa oportunizar a adquirentes de produtos, em leilões de potros, garantirem sua participação, na Copa dos Criadores, sem penalidades. Confira valores e condições.