25 jan 2019 | 19:34:54

Dalheconquistadora resiste a Aninha no GP 25 de Janeiro (gr.II)

Debaixo de chuva, potranca do Haras Clemente Moletta confirmou seu favoritismo no principal páreo da tarde, em São Paulo.


Dalheconquistadora venceu de ponta a ponta.

Imagem: Marília Lemos

Além de figurar como uma das mais tradicionais provas, para éguas, do turfe brasileiro, o Grande Prêmio 25 de Janeiro (gr.II), não raramente teve na chuva um elemento presente à sua disputa. Nesta sexta-feira (25) não foi diferente e coube a Dalheconquistadora, 3 anos, filha de Agnes Gold e Spade (Wild Event), de criação e propriedade do Haras Clemente Moletta, deixar as adversárias e intempéries para trás.

Favorita dos apostadores, Dalheconquistadora buscou a ponta logo após a largada. Diante de seu ímpeto inicial, Aninha (Impression) restou recolhida, correndo na segunda colocação. Alto Lá (Redattore) e Only You (Jeune-Turc) disputavam o terceiro, com Mom Dora (T. H. Approval) encerrando o lote, em quinto.

Sem alterações, as competidoras superaram a primeira curva e ingressaram na reta oposta. Na altura dos últimos 1.200 metros, Only You forçou para cima das duas primeiras colocadas. Não demorou, porém, para que Dalheconquistadora e Aninha (sempre separadas por pequena diferença) voltassem a abrir vantagem, nos dois primeiros postos.

Na reta de chegada, Dalheconquistadora e Aninha simplesmente mantiveram a tônica do páreo, vista até então. Ou seja, simplesmente reduziram-no a um mano a mano, tendo Aninha, inclusive, emparelhado com Dalheconquistadora na altura dos últimos 250 metros. Fazendo valer, porém, sua categoria, bem como a vantagem de 5,5 quilos na balança, Dalheconquistadora reagiu, vencendo bonita corrida. Com Zeferino Moura Rosa “up”, derrotou Aninha (vencedora desse mesmo páreo, há 2 anos) por ¼ de corpo.

Depois, Alto Lá (12 e ½), Only You (20 e ¾) e Mom Dora (44 e ¼).

Treinada em Curitiba/PR por Julio César, Dalheconquistadora passa a somar 5 vitórias em 7 saídas. Vencedora do Grande Prêmio Presidente Antonio Grisi Filho (gr.II), percorreu a distância no tempo de 2:02.70, com finais de 24.40 e 12.83.

Mais notícias

Pateo do Batel e Pixilim serão cobertas por Kingman e Medaglia d’Oro

Brasileiras foram exportadas em 2018.

Na distância que lhe consagrou, Jolie Olímpica vence o Nassau Stakes (G2)

Voltando a competir na milha, crioula do Stud TNT estreou com vitória, em Woodbine.

Pedigree & Black Type: os Ganhadores Clássicos no Brasil - 11ª Edição

Nesta edição: Cara Hermana, Full do Jaguarete e Love You More.