14 jan 2021 | 21:32:08

De sonho à realidade, Tarumã inaugura a raia de grama

Na jornada desta quinta-feira (14), foi disputada a primeira prova, na raia de grama, do Jockey Club do Paraná.

Grans Fassin inaugurou a pista de grama

Imagem: Felipe Neves/Divulgação JCP

Gerações diversas atravessaram os tempos, enquanto público das corridas paranaenses, tendo em mente um sonho que, por muito tempo, habitou, somente, a imaginação coletiva: o dia em que o Hipódromo do Tarumã contasse, também, com uma pista de grama.

No dia 14 de janeiro de 2021, esse sonhou virou realidade.

Na jornada desta quinta-feira, o Jockey Club do Paraná realizou sua primeira corrida – e outras 4 – em sua recém inaugurada pista de grama. Grans Fassin, um filho de Courtier, de criação do Haras Garcez Castellano e propriedade do Stud Galope, venceu uma eliminatória disputada, em 1.300 metros, tornando-se o primeiro ganhador daquela raia.

Por uma feliz coincidência, portanto, a vitória sorriu a um dos principais idealizadores da pista: Alexandre Frare – na figura de quem, todos os colaboradores, apoiadores e pessoas que, direta ou indiretamente contribuíram para a concretização do projeto, compartilharam da alegria de uma vitória mais do que especial.

Situada pelo lado de dentro da pista principal (onde havia a raia auxiliar, também de areia), a raia de grama começou a ser construída em abril de 2019. Com o plantio concluído, no segundo semestre de 2020, a raia mostrou-se apta a ser inaugurada ainda no mês de dezembro, quando da realização do GP Paraná. Fortes chuvas, contudo, provocaram o adiamento da inauguração.

Para acessar o resultado técnico das corridas de hoje, no Tarumã, clique aqui.

Para visualizar os replays da reunião, clique aqui.

Abaixo, o replay da primeira corrida da pista de grama, no Jockey Club do Paraná.

Mais notícias

Nas pré-inscrições do Derby, Mestre do Iguassu e mais dez têm added pago

Derradeira etapa da tríplice coroa paulista será disputada no dia 9 de novembro, em Cidade Jardim.

Ler na íntegra

Mercado: Esfinge é negociada e seguirá para os Estados Unidos

Um dos destaques dentre as fêmeas da geração brasileira de 2013, Esfinge, filha de Wild Event e Kiss Me Dear (Bernstein), de criação do Haras Santa Maria de Araras e propriedade do Stud Ghadeer (de propriedade de Antônio Landim Meirelles Quintella, Paulo César Peixoto de Castro e Sérgio Coutinho Nogueira), será enviada para os Estados Unidos nas próximas semanas. Em... [continua ]

Ler na íntegra

Argentina: polêmica envolvendo taxa provoca cancelamento de reunião em San Isidro

Imbróglio relacionado à taxa equivalente a aproximados R$ 170,00 instituída pelo hipódromo e contestada pelos profissionais impediu a realização de corridas, em San Isidro, na última sexta-feira.

Ler na íntegra