24 out 2020 | 20:58:55

Em final de emoção, No Way José conquista o GP ABCPCC (G1)

Filho do nacional Victory Is Ours, pertencente ao Stud JCR, brilhou na prova de velocidade do festival paulista.

Disputado no último páreo deste sábado (24), em Cidade Jardim, o Grande Prêmio Associação Brasileira dos Criadores e Proprietários do Cavalo de Corrida (G1), em 1.000m na pista de grama (macia), para produtos de 3 e mais anos, teve em No Way José, 4 anos, filho de Victory Is Ours e Heart Of The Ocean (Ocean of Wisdow), de criação do Haras Vale Verde e propriedade do Stud JCR, seu brilhante ganhador.

Vindo de formar a dupla no GP Major Suckow (G1), o favorito dos apostadores, Nantucket, buscou a ponta, de imediato. Tácio e Urich Ralph, por fora dele, corriam em segundo e terceiro, respectivamente. O veterano Consul American aparecia em quarto e No Way José acionava na quinta colocação.

Terminado o prolongamento da reta final, Nantucket foi lançado pela cerca interna. Aos poucos, Tácio e Ulrich Ralph perdiam contato com o ponteiro. Ambos deram lugar, então, ao forte arremate de No Way José, que, pela baliza 7, encostou em Nantucket, na seta dos 200 finais. Vindo de trás, Yes Tiger – ficou mal após o pulo de largada – emplacava boa arrancada.

A cada galão, rumo ao disco, No Way José descontava, mais e mais, a vantagem de Nantucket. O ponteiro trazia o domínio da prova “a canto chorado”, como dito na gíria. Para acrescentar doses ainda maiores de emoção ao desfecho do páreo, Yes Tiger, com algum atraso, embolou na briga, a 100 metros do espelho.

Na insistência de Michael Silva, No Way José sacou vantagem sobre Nantucket. Na hora da verdade, livrou pescoço sobre o adversário, que voltou a perder corrida “sem nome”, tal qual ocorrido no Rio de Janeiro. Yes Tiger, a pescoço de Nantucket, foi o terceiro. Consul American e Nice Lady completaram o marcador.

Depois, Tácio, Itagiba, Ulrich Ralph, Geluve, Icelandic e Newark. Febril, Inevitable não foi apresentado.

Treinado por Estanislau Petrochinski, No Way José conquistou a 4ª vitória (1ª clássica) em 9 saídas.

Tempo de 55.53, com finais de 23.08 e 11.92.

Mais notícias

Jockey Club de São Paulo reabre piscina para animais

Estrutura poderá ser aproveitada por profissionais a partir de terça-feira (8/1).

Ler na íntegra

Mucho Fon e Rainha da Lagoa abrem as tríplices coroas em Porto Alegre

A quinta-feira (16) de 8 corridas em Porto Alegre foi bastante movimentada. Isso porque o Jockey Club do Rio Grande do Sul promoveu hoje a abertura de suas tríplices coroas, sendo que couberam a Mucho Fon e Rainha da Lagoa as vitórias nas provas inaugurais, que fazem deles, agora, os candidatos aos respectivos títulos.

Ler na íntegra

Rumo ao Ramirez, Ultra Bom sobra em Cidade Jardim

Arenático do Stud São Marcos Paulista venceu a Prova Especial Dark Brown.

Ler na íntegra