20 abr 2019 | 20:52:14

Feliz Rainha esnoba a furosemida e vence listed

Velocista do Araras foi a melhor no Clássico Jockey Club de São Paulo (L)


Feliz Rainha conquistou batismo clássico.

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Disputado no sábado de Derby Day, na Gávea, o Clássico Jockey Club de São Paulo (L), em 1.000m na pista de grama (macia), para produtos de 2 e mais anos, revelou a vitória de Feliz Rainha, 4 anos, filha de Put It Back e Paradise Queen (Royal Academy), de criação e propriedade do Haras Santa Maria de Araras.

Coube a Lauren (Good Reward) o predomínio da corrida, em seus primeiros 300 metros, com Feliz Rainha acionando na sua pegada, em segundo. Corrido contido, desta feita, Efetivo Bull (Benny The Bull) era o terceiro, com Kapoor (Cape Town) e Guapa Loca (Shanghai Bobby) completando o pelotão dos cinco primeiros.

Na reta de chegada, Feliz Rainha desalojou Lauren da primeira colocação. Exigida por Valdinei Gil, a corredora passou, então, a neutralizar as investidas de For Finish (Christine’s Outlaw) e Faça Melhor (Wild Event). Em que pese a boa ação dos oponentes, Feliz Rainha (mesmo sem poder fazer uso da furosemida) bateu For Finish por ¼ de corpo. Faça Melhor (1/2) foi o terceiro. Lauren (1 e ½) e Efetivo Bull (2) deram números finais ao marcador.

Depois, Middle Fast (por Crimson Tide, 2 e ½), Guapa Loca (2 e ¾), Kapoor (3 e ¾) e Mediatore (por Tiger Heart, 5). Não correu: Pascal Cat.

Treinada por Christiano Oliveira, Feliz Rainha obteve a quinta vitória (primeira clássica) em 18 saídas. Tempo de 55.65.

Mais notícias

MAPA publica Instrução Normativa para avaliação de viabilidade e fiscalização de hipódromos

Normativa foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (21).

Thunder Snow leva o round 2 do Al Maktoum Challenge

Irlandês da Godolphin brilhou no melhor páreo do dia, em Meydan. Winter Lightning, igualmente defensora da farda azul, venceu a versão de Dubai dos 1000 Guineas.

Troféu Mossoró: em entrevista, Luiz Antônio Ribeiro Pinto analisa novo regulamento

Vice-Presidente da ABCPCC concedeu entrevista à jornalista Karol Loureiro, do website Falando de Turfe, e abordou as novas regras da principal premiação do turfe brasileiro.