09 maio 2019 | 09:52:29

Filho de Bonne Rafaela, Fluminense vence allowance em Churchill Downs

Potro do Stud TNT segue no caminho dos stakes.

Fluminense: potro de bons recursos.

Imagem: Frances J. Karon

Na última semana, em Churchill Downs, produtos de 3 e mais anos até 2 vitórias disputaram um allowance, em 1.200m na pista de areia, com bolsa de US$ 100 mil. Venceu Fluminense, 3 anos, filho de More Than Ready e Bonne Rafaela (Elusive Quality), de criação e propriedade do Stud TNT.

Posicionado em terceiro, num primeiro momento, por Ricardo Santana Jr., Fluminense não deu qualquer chance aos adversários na reta final. Em vitória de notável facilidade, derrotou Chaps 4 corpos e ¼. O favorito Stealth (Blame) finalizou em quarto.

Treinado por Steve Asmussen, Fluminense obteve a segunda vitória em 6 saídas. Ele, que não corria desde outubro do ano passado, quando finalizou em oitavo no Claiborne Breeders’ Futurity (gr.I) – vencido por Knicks Go, em Keeneland – assinalou 1:09.48 para a distância.

Mãe de Fluminense, a brasileira Bonne Rafaela descende da excelente Heavenly Dancer (Fitzcarraldo), que por sua vez originou os ganhadores graduados Send Inthe Clowns, Out of Control, Notre Dame e Princesa Carina – esta última mãe do derby winner, Bonaparte.

Aqui, o replay do páreo.

Mais notícias

Moreira volta ao Japão para vencer G1 com Lys Gracieux

Piloto brasileiro brilhou na Queen Elizabeth II Cup (gr.I).

Ler na íntegra

Nota de falecimento: Mário Rodrigues Campos

Mário Rodrigues Campos Imagem: Porfírio Menezes Faleceu nesta sexta-feira (12) Mário Rodrigues Campos. Restam aos turfistas as lembranças de um dos mais vitoriosos treinadores do turfe nacional. Com Jabble, na década de 1980, Mário Campos alçou posto de destaque. Seu pensionista firmou-se como um dos líderes da geração nascida em 1983, vencendo os Grandes Prêmios Ipiranga (G1) e Derby Paulista... [continua ]

Ler na íntegra

Criação: pai de Glória de Campeão, Impression morre no Paraná

Argentino do Haras Santarém estava prestes a completar 21 anos

Ler na íntegra