17 out 2020 | 15:41:22

Full do Jaguarete “trabalha forte” no Clássico Ricardo Lara Vidigal (L)

Potro do Stud Jaguarete não deu chance aos adversários e conquistou novo êxito clássico.

Full do Jaguarete: exercício remunerado

Imagem: Porfírio Menezes/Divulgação JCSP

Neste sábado (17), em Cidade Jardim, produtos de 3 anos disputaram o Clássico Ricardo Lara Vidigal (L), em 2.200m na pista de areia. Vitória firme e fácil de Full do Jaguarete, filho de Alcorano e Cineasta (Amigoni), de criação e propriedade do Stud Jaguarete.

Após a largada, Full do Jaguarete e Go Petrus Go buscaram a primeira colocação. A dupla cruzou o disco, pela primeira vez, praticamente emparelhada, e assim permaneceu durante a maior parte da reta oposta – enquanto Oakland Bay e Okay Stein vinham na sequência.

Somente na cabeceira da última curva, Full do Jaguarete desvencilhou-se de Go Petrus Go – que passou a perder contato, gradativamente, com o ponteiro. Oakland Bay passava para segundo.

Na reta de chegada, por mais que Oakland Bay tenha dado alguma impressão, na altura dos 500 finais, Full do Jaguarete não demorou para liquidar a fatura, em seu favor. Sob o comando de Maikon Mesquita, o corredor passou a abrir vantagem, cada vez maior, na dianteira. Alcançou o espelho com nada menos que 17 corpos e ¼ de vantagem sobre Oakland Bay. Go Petrus Go (o jóquei olhava, seguidamente, para seus posteriores, durante a reta final, podendo ter ocorrido algo) e Okay Stein depois.

Treinado por Mário André, Full do Jaguarete conquistou sua 4ª vitória (2ª clássica) em 11 saídas. Tempo de 2:15.24, com finais de 25.87 e 13.07.

Mais notícias

Olympic Idaho conquista a Prova Especial Odysseus

Filho do nacional Acteon Man pertence ao Stud Valentin.

Ler na íntegra

Em duelo histórico, Swiss Skydiver supera Authentic no Preakness Stakes (G1)

Corredora tornou-se a sexta fêmea a vencer a prova, em seus 145 anos de disputa.

Ler na íntegra

Com mais de 5 mil vitórias, Gary Stevens anuncia aposentadoria

Ídolo norte-americano pôs um ponto final à brilhante carreira após sofrer lesão na coluna.

Ler na íntegra