16 jun 2020 | 20:01:19

Mensagem do Presidente: Jockey Club Brasileiro, recordista em matéria de desrespeito


Quando se pensa que o ano de 2020 já foi suficiente para tantos absurdos praticados em nome do Jockey Club Brasileiro, vem à percepção do contrário: sempre há o que piorar e registrar o presente, não bastassem todos os pesares, com pecha de lamentável, nos anais do turfe carioca.

Após o cancelamento de programas já formados na véspera das corridas, do adiamento das eleições de diretoria com base em solenidades e documentos cuja existência até então não se comprovou, sem prejuízo da injustificável redução de premiações e dos cortes no calendário clássico, o(s) mandatário(s) do clube superaram-se mais uma vez. Hoje, terça-feira, 16 de junho de 2020, republicaram seu desfigurado calendário clássico, designando o festival do Grande Prêmio Brasil para a mesma data do Grande Prêmio Paraná, em 27 de setembro.

Trata-se de ocorrência ímpar no histórico do turfe brasileiro, a partir da qual percebe-se não haver um mínimo escrúpulo turfístico por parte daqueles que, no comando do Jockey Club Brasileiro, parecem ter feito pouco, ou nenhum, caso, do coirmão paranaense. Veja-se: mesmo tendo havido antecipada escolha, dos homens do turfe do Paraná, pelo último final de semana de setembro, para abrigar seu momento mais importante do ano, prevaleceu a indiferença no Jockey Club Brasileiro, que dividirá, as já parcas atenções atraídas pelas corridas de cavalo brasileiras, na atualidade, em duas metades.

Essa divisão, aliás, muito reflete a incapacidade do Jockey Club Brasileiro enxergar, de modo amplo e convergente, os melhores interesses do turfe nacional. A desprezível atitude merece a reprimenda do subscritor da presente, que na condição de presidente da Associação Brasileira dos Criadores e Proprietários do Cavalo de Corrida, não poderia omitir-se diante de tão grave e errada decisão.

Em manifesto de total repúdio à decisão do Jockey Club Brasileiro, eis o bastante para o momento.


Antônio Landim Meirelles Quintella

Presidente da Associação Brasileira dos Criadores e Proprietários do Cavalo de Corrida

Mais notícias

Bellawatch resiste a Once Upon A Time em listed race

Defensora de Stud Vinicius Roehrs/Stud Los dos Amigos venceu o Clássico Presidente Luiz Nazareno Teixeira de Assumpção (L).

Hong Kong: Cash do Jaguarete entra quinto em handicap

Corredor brasileiro atuou na madrugada deste domingo (23), em Sha Tin.

Jóqueis brasileiros no exterior, por Fábio Zerbini (13ª edição)

André Luis Silva emplacou 3 vitórias na Mauritânia. Imagem: Divulgação Mauritius Racing Club MAURITÂNIA Ótima semana para os brasileiros na Mauritânia. Todos os profissionais radicados por lá conquistaram vitórias. Destaque para André Luís Silva, que venceu uma corrida no sábado e outro no domingo - somando 3 conquistas, no total. No sábado com Illicit Kiss, André Luis Silva foi para a foto... [continua ]