09 fev 2020 | 21:15:50

Padrão exportação, Royal Ship levanta o GP Estado do Rio de Janeiro (gr.I)

Potro do Stud Happy Again manteve sequência de vitórias na abertura da tríplice coroa.

Henderson Fernandes vibra com a vitória de Royal Ship.

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Confirmando todas as expectativas depositadas em suas patas, Royal Ship, filho de Midshipman e Bela Val (Val Royal), de criação do Haras Belmont e propriedade do Stud Happy Again, venceu, na condição de favorito destacado, o Grande Prêmio Estado do Rio de Janeiro (gr.I). A prova, que abriu a tríplice coroa carioca, foi disputada neste domingo (9), no Jockey Club Brasileiro.

Norgaard mandou-se para a ponta, após a largada. Royal Ship e Viés De Alta disputavam a segunda colocação. Mapa Mundi e Gold Force completavam o lote dos cinco primeiros.

Logo nos primeiros lances da reta final, Royal Ship, ao ganhar rédeas de Henderson Fernandes, “colocou de lado” com Norgaard. Dono de galão vistoso, atirando-se longe, Royal Ship ultrapassou Norgaard quando faltavam 250 metros para o disco. Fazendo da cerca sua trilha para o disco, Royal Ship consolidou seu êxito, confirmado ao livrar 2 corpos e ¾ sobre Olympic Jolteon, que por sua vez tomou o segundo posto, de Norgaard, no galão decisivo. Bastante próximos, Amor Total e Bavaro Beach completaram o marcador.

A seguir, Gold Force, Hierro I Fuego, Vacheron, Hummer, Vale-Brinde, Capitão Barbosa, Viés de Alta, Hall Pass e Mapa Mundi.

Luis Esteves, que poucas horas antes havia vencido o Possolo, com Mais Que Bonita, enviou Royal Ship para à raia a fim de que o castanho rendesse, ao treinador, sua segunda vitória consecutiva nesta prova (em 2018, encilhou Garbo Talks).

Royal Ship conquistou a quinta vitória (a quinta consecutiva, sendo a segunda clássica) em 7 corridas. Vencedor do Grande Prêmio Frederico Lundgren (gr.III) e do Clássico Ernani de Freitas (L), parou os relógios no tempo de 1:33.52.

Royal Ship foi comercializado, em 2018, no Leilão da Criação Nacional ABCPCC, em São Paulo. 

Mais notícias

Entre o Derby e leilões, Kentucky aproxima-se de um setembro crucial

Pela primeira vez na história, o mesmo mês que abriga as vendas de potros, em Keeneland, receberá a disputa da prova mais celebrada do turfe norte-americano. Num contexto de pandemia, um setembro crucial para a indústria do turfe, no Kentucky.

Ler na íntegra

João Moreira visita a sede da ABCPCC em São Paulo

"The Magic Man" aproveitou a passagem pelo Stud Book para votar no Troféu Mossoró 2017.

Ler na íntegra

Barão da Serra fecha a conta na Prova Especial Quartier Latin - Facchini

Milheiro do Haras Moema venceu o derradeiro embate de chamada clássica do festival máximo paulista.

Ler na íntegra