09 fev 2020 | 21:15:50

Padrão exportação, Royal Ship levanta o GP Estado do Rio de Janeiro (gr.I)

Potro do Stud Happy Again manteve sequência de vitórias na abertura da tríplice coroa.

Henderson Fernandes vibra com a vitória de Royal Ship.

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Confirmando todas as expectativas depositadas em suas patas, Royal Ship, filho de Midshipman e Bela Val (Val Royal), de criação do Haras Belmont e propriedade do Stud Happy Again, venceu, na condição de favorito destacado, o Grande Prêmio Estado do Rio de Janeiro (gr.I). A prova, que abriu a tríplice coroa carioca, foi disputada neste domingo (9), no Jockey Club Brasileiro.

Norgaard mandou-se para a ponta, após a largada. Royal Ship e Viés De Alta disputavam a segunda colocação. Mapa Mundi e Gold Force completavam o lote dos cinco primeiros.

Logo nos primeiros lances da reta final, Royal Ship, ao ganhar rédeas de Henderson Fernandes, “colocou de lado” com Norgaard. Dono de galão vistoso, atirando-se longe, Royal Ship ultrapassou Norgaard quando faltavam 250 metros para o disco. Fazendo da cerca sua trilha para o disco, Royal Ship consolidou seu êxito, confirmado ao livrar 2 corpos e ¾ sobre Olympic Jolteon, que por sua vez tomou o segundo posto, de Norgaard, no galão decisivo. Bastante próximos, Amor Total e Bavaro Beach completaram o marcador.

A seguir, Gold Force, Hierro I Fuego, Vacheron, Hummer, Vale-Brinde, Capitão Barbosa, Viés de Alta, Hall Pass e Mapa Mundi.

Luis Esteves, que poucas horas antes havia vencido o Possolo, com Mais Que Bonita, enviou Royal Ship para à raia a fim de que o castanho rendesse, ao treinador, sua segunda vitória consecutiva nesta prova (em 2018, encilhou Garbo Talks).

Royal Ship conquistou a quinta vitória (a quinta consecutiva, sendo a segunda clássica) em 7 corridas. Vencedor do Grande Prêmio Frederico Lundgren (gr.III) e do Clássico Ernani de Freitas (L), parou os relógios no tempo de 1:33.52.

Royal Ship foi comercializado, em 2018, no Leilão da Criação Nacional ABCPCC, em São Paulo. 

Mais notícias

Put It Back recebe proteção do nome pelo Comitê Internacional do Stud Book

Reprodutor do Haras Santa Maria de Araras foi um dos 3 garanhões contemplados na última atualização da lista de nomes protegidos do Comitê Internacional do Stud Book.

Ler na íntegra

If Looks Like encanta no GP Adayr Eyras de Araújo (G3)

Potranca do Haras Santa Maria de Araras assumiu a liderança da geração.

Ler na íntegra

Incêndio assola centro de treinamentos de San Luis Rey Downs, na Califórnia

Maior parte da estrutura do local restou consumida pelas chamas. Cerca de 40 animais morreram na tragédia.

Ler na íntegra