05 jun 2024 | 18:26:08

Pesquisa on-line do Stud Book apresenta resultados internacionais a partir do ano 2000

Banco de resultados do Stud Book Brasileiro foi alimentado com as campanhas dos animais brasileiros, no exterior, nas últimas duas décadas.


Noutro importante passo dado em sua parceria com o The Jockey Club (EUA), o Stud Book Brasileiro passa a apresentar uma novidade, em sua ferramenta de pesquisa on-line. Agora, o banco de dados do SBB exibe as campanhas produzidas por animais PSI brasileiros, no exterior, a partir do ano 2000.

Desde o final de 2023, as campanhas internacionais, de animais brasileiros, passaram a ser inseridas no sistema do SBB, em lançamentos gradativos. Atingiu-se, agora, dados que refletem as atuações desses animais, em diferentes hipódromos do mundo, nas duas últimas décadas. Vide exemplo:

A campanha desenvolvida por Pico Central, no exterior, no início dos anos 2000, encontra-se disponível para consulta, no sistema do SBB.

A alimentação do sistema do Stud Book Brasileiro, por meio das informações fornecidas pelo The Jockey Club, é realizada pela parametrização de dois sistemas distintos (do Stud Book Brasileiro e do The Jockey Club) e, a partir disso, pode haver falhas ou incompletudes no banco de dados do SBB (quanto aos resultados internacionais). Nessa hipótese, pede-se a compreensão e a colaboração dos usuários do SBB e dos turfistas em geral.

Se identificadas faltas ou erros de informação, o Stud Book Brasileiro agradecerá eventuais avisos e correções, nesse sentido – os quais poderão ser realizados por quaisquer dos meios e mídias da ABCPCC e do SBB.

Mais notícias

Leilão da Criação Nacional: Oscar Winner vence a primeira prova da nova geração, na Gávea

Potro vendido pelo Stud Chesapeake a Helmar Lobo Tenreiro Aranha conquistou eliminatória, neste sábado.

Cristal: Jivago levantou a melhor prova da quinta-feira

Potro de Henrique Menegotto Lorea venceu, no sino de reclamação, o Clássico Presidente Antônio Demarchi Chula.

No retorno de Enable, melhor para Ghaiyyath

Corredor da Godolphin superou Enable, que não corria desde o Arco do ano passado, no Eclipse Stakes (G1).