29 mar 2020 | 20:51:50

Tiz The Law brilha no Florida Derby (G1): Constitution em evidência

Potro novaiorquino deu sequência à ascensão em meio aos 3 anos, do país. Seu pai, Constitution, segue galgando posto de destaque.

Tiz The Law venceu sua segunda prova de G1.

Imagem: Derbe Glass/America's Best Racing

No sábado (28), em Gulfstream Park, produtos de 3 anos disputaram o Curlin Florida Derby (G1), em 1.800m na pista de areia, com dotação de US$ 750 mil. Prova que revelou 3 ganhadores do Kentucky Derby (G1) nos últimos 10 anos – sem contar Maximum Security – teve, desta feita, em Tiz The Law o seu vencedor.

Vindo de vencer, com facilidade, o Holy Bull Stakes (G3), Tiz The Law voltou a chamar atenção por fazer pouco caso dos adversários. Ingressando na reta final em francos avanços sobre os ponteiros, esfuziou, rumo ao disco – cruzado por ele 4 corpos e ¼ à frente de Shivaree. Ete Indien, que venceu o Fountain of Youth Stakes (G2) e já havia escoltado Tiz The Law no Holy Bull, foi o terceiro.

Conduzido por Manuel Franco e treinado por Barclay Tagg, Tiz The Law obteve a quarta vitória (destaque, ainda, para o Champagne Stakes (G1), aos 2 anos) em 5 saídas. Criado no estado de Nova York, pela Twin Creeks Farm, Tiz The Law pertence a Sackatoga Stable (mesma coudelaria que venceu o Kentucky Derby e o Preakness Stakes, em 2013, com Funny Cide).

Pai de Tiz The Law (filho da matriz Tizfiz, uma Tiznow ganhadora de G2), Constitution venceu esse mesmo Florida Derby, no ano de 2014. Filho do fenomenal Tapit, Constitution é, justamente, um dos reprodutores “de nova geração” de maior destaque, na criação norte-americana. Sua primeira leva de produtos é, justamente a nascida em 2017, da qual faz parte Tiz The Law. Independence Hall e Gouverneu Morris, dois dos favoritos no páreo de sábado, derrotados por Tiz The Law, são outros destaques de Constitution – que serviu no Haras Don Alberto, no Chile, em 2017, para onde retornará no segundo semestre de 2020. O garanhão cobre, por US$ 40 mil, na WinStar Farm.

No pedigree de Constitution há nome que chama atenção dos brasileiros, sobremaneira. Sua segunda mãe, Surf Club (Ocean Crest) é a mãe de Emcee (Unbridled’s Song), garanhão importado, para o Brasil, pelo Haras Santa Maria de Araras, em 2018. Ganhador do Forego Stakes (G1), Emcee teve sua primeira geração brasileira nascida em 2019.

Mais notícias

Criação: Pixilim será coberta por Kitten’s Joy e seguirá para a Austrália

Criada por Roberto Belina, brasileira teve campanha encerrara e servirá como reprodutora na Oceania.

Ler na íntegra

Troféu Mossoró 2019: Candidatos ao prêmio de Melhor Potro de 2 anos

Votação (exclusiva para associados) até 30/7 às 17h pelo link https://abcpcc.com.br/votacao.

Ler na íntegra

Copa dos Criadores: pagamento da taxa universal tem data limite até sexta-feira (26/5)

Inscrição no valor de R$ 600,00 credencia produtos da geração 2016 às provas, com mais de R$ 1 milhão em prêmios, da Copa dos Criadores

Ler na íntegra