Banner Haras Regina Topo
25 Nov 2017 | 22:10:19

EUA: Editore conquista o Berkeley Handicap (gr.III)

Filho do nacional Redattore, de criação e propriedade do Stud Rio Dois Irmãos, é treinado pelo, também brasileiro, Paulo Henrique Lobo.

Editore demonstrou sobras em prova de G3

Imagem: transmissão Golden Gate Fields

Disputado há poucos instantes em Golden Gate Fields, na Califórnia, o Berkeley Handicap (gr.III), em 1.700m na pista tapeta (sintética), para produtos de 3 e mais anos, com US$ 100 mil de dotação, revelou a vitória do brasileiro Editore, 5 anos, filho de Redattore e Jolie Rose (Easing Along), de criação e propriedade do Stud Rio Dois Irmãos.

Enquanto Black Tie Event (Distorted Humor) ditava o ritmo da competição, Brice Blanc aguardava, com Editore, na quinta colocação. Próximo dos ponteiros, Editore visivelmente “sobrava” nas mãos de Blanc, na cabeceira da última curva.

As sobras revelaram-se, de fato, concretas, à medida que Blanc, numa excelente entrada de reta, lançou Editore pelo espaço deixado por Black Tie Event, na cerca interna. Em rápidos galões o brasileiro definiu o páreo a seu favor, abrindo boa margem na primeira colocação. O irlandês Force (Raven’s Pass) formou a dupla. Camino Del Paraíso (Suances) finalizou em terceiro.

Treinado pelo brasileiro Paulo Henrique Lobo, Editore conquistou a quarta vitória em 15 saídas. No país natal, Editore venceu, além de uma eliminatória, na Gávea, o GP Estado do Rio de Janeiro (gr.I) de 2016. Nos Estados Unidos o castanho vinha de vencer um allowance, em Santa Anita, no mês de outubro.

Tempo de 1:43.37.

Mais notícias

Morre no Paraná o múltiplo ganhador clássico Hotaru

Provável síncope cardíaca tirou a vida do defensor do Stud A. M. L., que iniciava preparativos para o GP São Paulo.

Ler na íntegra

Numba Juan vence a Prova Especial Quiproquó e mostra forma para o Derby

Vitorioso é outro destaque da letra "N" do Haras Doce Vale

Ler na íntegra

Robert Bruce conquista a quádrupla coroa no Chile

Filho de Fast Company consagrou-se no Clásico El Ensayo (gr.I) e segue invicto.

Ler na íntegra