Banner Haras Regina Topo
08 nov 2018 | 14:24:25

Mercado: Lady Aurelia e Lady Eli, destaques na primeira semana de vendas, no Kentucky

Campeãs norte-americanas alcançaram cifras milionárias na primeira semana dos tradicionais leilões de reprodutoras realizados no Kentucky, no mês de novembro.

Lady Aurelia alcançou US$ 7,5 milhões no Fasig-Tipton.

Imagem: Racing Post

Numa semana deveras especial para o turfe, no Kentucky, em razão da realização de mais uma Breeders’ Cup, a “capital mundial do cavalo” também ganhou os holofotes por força dos tradicionais leilões de reprodução, lá realizados, tradicionalmente, durante o mês de novembro. Na primeira semana de vendas, que costuma revelar os maiores preços das licitações, as campeãs Lady Aurelia e Lady Eli alcançaram cifras milionárias e ocuparam posição de destaque.

No domingo (4), durante o Fasig-Tipton November Sale, Lady Aurelia foi arrematada por US$ 7,5 milhões pela Stonestreet Thoroughbred Holdings junto à Hill ‘n’ Dale Sales (consignadora). Filha de Scat Daddy e D’Wildcat Speed (Forest Wildcat), Lady Aurelia – atualmente com 4 anos – apesar de criada e treinada nos Estados Unidos, conquistou em solo europeu seus principais resultados. Aos 2 anos, venceu o Prix Morny (gr.I) na França e o Queen Mary Stakes (gr.II) durante o Royal Ascot. No ano seguinte retornou ao maior festival britânico para conquistar o King’s Stand Stakes (gr.I). “Em casa”, destacou-se, além da vitória obtida no Giant’s Causeway Stakes (L), pela chamativa estreia, na qual bateu o recorde dos 900 metros em Keeneland.

Ainda que vazia, Lady Aurelia foi comercializada já retirada à reprodução.

Além de Lady Aurelia, nada menos que outros 21 lotes do leilão igualaram ou superaram a casa dos 7 dígitos. Múltipla ganhadora de G1 e cheia de Tapit, Stopchargingmaria (7 anos, filha de Tale of The Cat e Exotic Bloom, por Montbrook), foi vendida, pela Taylor Made (consignadora) à Whisper Hill Farm, no valor de US$ 4,4 milhões, e galgou a condição de segundo lote mais valorizado. O terceiro foi Daddys Lil Darling (4 anos, filha de Scat Daddy e Miss Hot Salsa, por Houston), consignada pela Gainesway (em nome da Normandy Farm) e arrematada – por US$ 3,5 milhões – pela Coolmore. Trata-se de uma ganhadora de G1 já retirada à reprodução, que foi oferecida vazia no leilão.

Ao todo, 140 lotes no Fasig-Tipton movimentaram US$ 89,4 milhões, contra US$ 74,2 milhões circulados, por 115 lotes, no ano passado. A média, porém, sofreu leve decréscimo, de US$ 645 mil em 2017 para US$ 639 mil em 2018. Em relação a lotes não vendidos, houve 53 (contra 27 em 2017).

Já na segunda-feira (5), teve início o livro 1 do Keeneland November Breeding Stock Sale. Uma das melhores éguas de pista de grama, do turfe norte-americano, nos últimos anos – notabilizada, ainda, por ter se recuperado, com sucesso, de uma laminite – Lady Eli foi posta à venda pela Hill ‘n’ Dale (consignadora) e foi adquirida pela própria Hill ‘n’ Dale em sociedade com John G. Sikura pelo valor de US$ 4,2 milhões. Lady Eli encontra-se prenhe de War Front.

Lady Eli venceu nada menos que 6 provas de graduação máxima. Finalizou, ainda, em segundo na Breeders’ Cup Filly & Mare Turf (gr.I). Dona de 10 vitórias em 14 saídas, somou mais de US$ 2,9 milhões em prêmios.

My Miss Sophia, (7 anos, filha de Unbridled’s Song e Wildwood Flower, por Langfuhr), que em campanha foi ganhadora de G2 e finalizou em segundo no Kentucky Oaks (gr.I), restou leiloada por US$ 4,2 milhões pela Lane’s End (consignadora) ao agente Steven Young. A exemplo de Lady Eli, encontra-se cheia de War Front.

Noutra venda da Lane’s End, Tiffany’s Hour (7 anos, filha de Street Cry e Better Than Honour, por Deputy Minister) foi leiloada para Katsumi Yoshida por US$ 2,2 milhões. Apesar da breve campanha (não obteve colocação na única saída), é uma irmã materna dos ganhadores do Belmont Stakes (gr.I) Jazil (Seeking The Gold) e Rags To Riches (A. P. Indy) – esta a última fêmea a fazê-lo.

O Keeneland November Breeding Stock Sale será encerrado no próximo dia 16 de novembro.

Mais notícias

Especial Leilão da Criação Nacional: Stud Birigui

Meu Rei: defensor ilustre da farda Imagem: Gérson Martins Um dos mais tradicionais turfistas de Cidade Jardim, Hélio Biscaro traduz sua paixão pelo turfe no Stud Birigui. Farda atuante nas corridas paulistas, o estabelecimento representa, também, o “berço” de excelentes corredores, que em 2017, por sinal, terão sua aquisição oportunizada ao grande público no Leilão da Criação Nacional ABCPCC. “O... [continua ]

Ler na íntegra

Enable repete Corrida e Treve no Prix l’Arc de Triomphe (gr.I)

Craque da Juddmonte Farms tornou-se a terceira fêmea a vencer, por duas vezes, a maior prova do turfe francês.

Ler na íntegra

Ziska Blade e Roi Rouge vencem provas especiais em Cidade Jardim

Provas Especiais Duque de Caxias e Roberto Reichert marcaram os pontos alto da sabatina.

Ler na íntegra