30 mar 2024 | 18:20:23

De ponta a ponta, Laurel River conquista vitória esmagadora na Dubai World Cup (G1)

Norte-americano da Juddmonte brilhou, no momento mais aguardado do ano, em Meydan.


Laurel River obteve vitória esmagadora, em Meydan.

Imagem: Emirates Racing Authority (Divulgação)

Neste sábado (30), em Meydan, foi disputada a Dubai World Cup (G1), em 2.000m na raia de areia, para animais de 3 e mais anos, com US$ 12 milhões de dotação. Vitória, de ponta a ponta, do norte-americano Laurel River, 6 anos, filho de Into Mischief e Calm Water (por Empire Maker, trata-se de uma irmã materna dos nossos conhecidos Courtier e Hofburg), de criação e propriedade da Juddmonte.

Repetindo o script de sua esmagadora vitória, obtida na milha do Burj Nahaar (G3), Laurel River assumiu a dianteira logo após a largada, para não mais abandoná-la, até o disco. Conduzido por Tadhg O' Shea, o castanho ingressou na reta final absoluto - já sendo, àquela altura, muito improvável o despontar de alguma atropelada capaz de impedir o seu êxito.

Ganhador do páreo, em 2023, o japonês Ushba Tesoro atropelou para formar a dupla, a 8 corpos e 1/2. Señor Buscador, que vinha de derrotar o próprio Ushba Tesoro na Saudi Cup (G1), ficou com a terceira colocação. Wilson Tesoro e Dura Erede, outros dois representantes do turfe nipônico, completaram o marcador.

Treinado por Bhupat Seemar, Laurel River, que iniciou sua campanha nos Estados Unidos - onde venceu, inclusive, o Pat O'Brien Stakes (G2) -, conquistou sua 6ª vitória em 10 corridas. Tempo de 2:02.31.

Rebel's Romance, 6 anos, filho de Dubawi e Minidress (Street Cry), de criação e propriedade da Godolphin, conquistou a Dubai Sheema Classic (G1), em 2.400m na grama, bolsa de US$ 6 milhões. O ganhador foi conduzido por William Buick e recebe o treinamento de Charlie Appleby. Igualmente castrado e criado na Irlanda, Facteur Cheval, 5 anos, filho de Ribchester e Jawlaat (Shamardal), levantou a Dubai Turf (G1), em 1.900m na raia de grama, com prêmios de US$ 5 milhões. Treinamento para Jerome Reynier e condução de Maxime Guyon, sendo o ganhador um defensor da Team Valor, de criação de McCracken Farms.

Mais uma conquista da dupla Bhupat Seemar e Tadhg O' Shea, o norte-americano Tuz, 7 anos, filho de Oxbow e Suede Show (Pulpit), de criação da Calumet Farm e propriedade de Dakki Stable, levantou a Dubai Golden Shaeen (G1), em 1.200m na areia, com dotação de US$ 2 milhões. Irlandês radicado no turfe de Hong Kong, o 6 anos California Spangle, filho de Starspangledbanner e Pearlitas Passion (High Chaparral), de criação de M. Enright e propriedade de Howard Liang Yum Shing, tornou-se o novo recordista, dos 1.000m na grama, em Meydan, ao vencer a Al Quoz Sprint (G1), com bolsa de US$ 1,5 milhão. Treinamento de Anthony da Cruz e condução de Brenton Avdulla.

 

Mais notícias

No último galão, melhor para Quick Hillie

Defensor do Stud Boa Estrela conquistou a Prova Especial Tito Mello Zarvos.

O sorteio de balizas para a final da I Copa Precocidade e Velocidade ABCPCC, será neste sábado (12)

O sorteio de balizas para a final da I Copa Precocidade e Velocidade ABCPCC, a ser disputada em 19 de março, será realizado neste sábado, dia 12, no estúdio da TV Jockey, no inicio do Programa Mesa do Turfe, às 12h00. (Publicação transcrita do website do Jockey Club de São Paulo)

Hong Kong: na estreia, Jadir finaliza em sétimo

Agora competindo sob o nome de Spirit, crioulo do Stud Eternamente Rio não corria desde junho do ano passado.