18 set 2022 | 20:12:29

Don Cambay alcança merecido batismo clássico no GP João Borges Filho (G2)

Fundista pertence ao Stud HRN.


Sempre presente, Don Cambay, desta feita venceu seu primeiro grande prêmio.

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Principal embate do dia (18), no Jockey Club Brasileiro, o Grande Prêmio João Borges Filho (G2), em 2.400m na raia de grama (pesada), para animais de 4 e mais anos, marcou o tão merecido batismo clássico de Don Cambay, 4 anos, filho de Goldikovic e Compensar (Public Purse), de criação do Haras Cambay e propriedade do Stud HRN.

Vindo de vencer a Copa ABCPCC Clássica Matias Machline (G1), Jorel, mais uma vez, fez questão da ponta. Desta feita, porém, Olympic Kremlin apertou o passo, em sua cola. Nisso, a dupla, sob ritmo acentuado, esfuziou à frente dos demais, ainda durante a breve reta da direita.

Na reta oposta, a diferença entre os dois e o terceiro colocado, Jungle King, chegou a 20 corpos. Don Cambay era o sétimo e último colocado.

Abordada a curva, Olympic Kremlin deu por encerrada sua missão na prova. Já Jorel seguia em ritmo frenético, com vários e vários corpos à frente daqueles que corriam no pelotão de trás.

Colocados para correr no tiro direto, Don Cambay e Online destacaram-se dentre aqueles que atropelavam. Jorel, por sua vez, tinha sua margem reduzida, galão a galão. Nos últimos 200 metros, Don Cambay alcançou ao ponteiro, a quem ultrapassou com relativa facilidade.

Sob o comando de Acedenir Gulart, Don Cambay bateu Online por 2 corpos. Jorel, de atuação impressionante, foi o terceiro, a apenas 3 corpos. Jungle King e Ribboninthesky completaram o marcador. Depois, Osprey e Olympic Kremlin.

Treinado por Dulcino Guignoni, Don Cambay obteve sua 4ª vitória (1ª clássica) em 19 corridas.

Relógios parados na marca de 2:32.98.

 

Mais notícias

London Moon vence mais uma no GP José Buarque de Macedo (G3)

Potro do Haras Anderson segue como favorito para a disputa da tríplice coroa.

Hong Kong: na estreia, Jadir finaliza em sétimo

Agora competindo sob o nome de Spirit, crioulo do Stud Eternamente Rio não corria desde junho do ano passado.

Em forma invejável, Kinha vence a PE Renato Junqueira Netto

Disputada nesse sábado (25), no Jockey Club de São Paulo, a Prova Especial Renato Junqueira Netto, em 1.600m na areia, para éguas de 3 e mais anos, teve Kinha, 3 anos, filha de Quick Road e Caribean Queen (Romarin), de criação da Beverly Hills Stud e de propriedade do Stud Gentil, a ganhadora.