01 set 2018 | 12:41:03

Em final de emoção, melhor para Nível Alto

Filho e neto, respectivamente, dos nacionais Que Fenômeno e Acteon Man, defensor de Adolpho Smith de Vasconcellos venceu o Clássico Ricardo Lara Vidigal (L).


Nível Alto venceu bonita corrida.

Imagem: Marília Lemos

Uma das atrações da sabatina (1), em Cidade Jardim, o Clássico Ricardo Lara Vidigal (L), em 1.900m na pista de areia, para produtos de 3 anos, teve em Nível Alto, filho de Que Fenômeno e Bollinger (Acteon Man), de criação e propriedade de Adolpho Smith de Vasconcellos, o seu ganhador.

Enquanto Homero Strong (Hinton Wells) e Ultra Bom (Quick Road) disputaram o protagonismo da prova, durante a maior parte do tempo, coube a Marcos Ribeiro acionar Nível Alto, com precisão, nos últimos 200 metros.

Num final emocionante, Nível Alto sacou cabeça sobre Ultra Bom. Homero Strong (1/4) foi o terceiro, deixando Aristocrática (por Trinniberg, 16 e ¼) no quarto posto.

Recebendo o treinamento de Gilson Borba, Nível Alto obteve a segunda vitória (primeira clássica) em 8 corridas. Tempo de 1:56.66, com finais de 24.50 e 12.67.

Mais notícias

Copa ABCPCC Precocidade e Velocidade: prêmios serão pagos nesta semana

A ABCPCC recebeu os resultados do exame antidoping da Copa Precocidade e Velocidade cuja final foi disputada, no último dia 12 de março, no Jockey Club Brasileiro, não tendo havido quaisquer irregularidades identificadas pelo Laboratoire des Courses Hippiques (França). Assim sendo, a ABCPCC informa que realizará o pagamento das premiações de proprietários nesta semana.  

Neta de Manduro, Billesdon Brook levanta o 1000 Guineas (gr.I)

Pupila de Richard Hannon brilhou entre as fêmeas, no hipódromo de Newmarket.

Bellawatch resiste a Once Upon A Time em listed race

Defensora de Stud Vinicius Roehrs/Stud Los dos Amigos venceu o Clássico Presidente Luiz Nazareno Teixeira de Assumpção (L).