28 dez 2019 | 21:50:01

EUA: Touriga conquista o Via Borghese Stakes

Brasileira, de criação da Fazenda Mondesir, brilhou em prova black type.

Touriga brilhou em prova black type.

Imagem: Cris Morales/Coglianese Photos

Neste sábado (28), em Gulfstream Park, éguas de 3 e mais anos disputaram o Via Borghese Stakes (black type), em 1.900m (aprox.) na pista de grama, com US$ 75 mil de dotação. Brilhou a brasileira Touriga, 4 anos, filha de Put It Back e Just Perfect (Nugget Point), de criação da Fazenda Mondesir e propriedade de Kiyoshi Maekawa.

Mantida em sexto, por John Velasquez, durante a maior parte do tempo, Touriga acelerou na cabeceira da última curva. Ingressando na reta final em francos avanços sobre as ponteiras, encontrou na britânica – favorita – Pivotal Connection, seu maior obstáculo. Superou-a depois de considerável luta, batendo a oponente por pescoço. A francesa Chipolata (terceira colocada no Belmont Oaks [gr.I] do ano passado), completou a trifeta.

Treinada por Graham Motion, Touriga percorreu a distância no tempo de 1:54.92. Obteve, no ato, sua primeira vitória em solo norte-americano, onde produziu, até aqui, 5 exibições. Adquirida pelo Haras Dilema, no Leilão da Criação Nacional ABCPCC 2017, foi à raia, por 5 vezes, na Gávea, conquistando 3 vitórias, incluindo o GP Margarida Polak Lara – Taça de Prata (gr.I) e o GP Rocha Faria (gr.II), em 2018.

A segunda mãe de Touriga, Griffe de Paris (Telescopio) figura como uma das mais virtuosas éguas da história da criação brasileira. Criada pelo Haras Equilia (a quem também defendeu em pista), venceu o Grande Prêmio OSAF (gr.I), em Cidade Jardim, e se destacou enquanto reprodutora. Dela descendem diversos ganhadores clássicos, incluindo a vencedora da Taça de Prata (gr.I), Lady de Paris, e o múltiplo ganhador de G1, entre Estados Unidos e Argentina (onde serve, atualmente, como garanhão), Global Hunter. Sem prejuízo da mencionada dupla, faz-se merecida a lembrança, ainda, de Una Beleza, irmã materna de Touriga, e que venceu, para o Haras Santa Maria de Araras, os Grandes Prêmios Diana (gr.I) e Henrique de Toledo Lara (gr.I), em Cidade Jardim.

Mais notícias

Uruguai: Feiticeira Kowboy vence, em recorde

Ganhadora do Turfe Gaúcho conquistou, em recorde, o Handicap Especial Eugenio J. Lagarmilla.

Ler na íntegra

EUA: Sea Dream entra oitavo na estreia

Brasileira enfrentou allowance em Keeneland.

Ler na íntegra

Norma Jean conquista batismo clássico em Cidade Jardim

Defensora do Stud San Duda conquistou o Clássico Pres. Luiz Nazareno Teixeira de Assumpção (L).

Ler na íntegra