19 mar 2022 | 16:11:46

London Moon, o campeão da Copa Precocidade e Velocidade ABCPCC

Favorito dos apostadores rendeu ao Haras Anderson o troféu da primeira edição da prova.


Leandro Henrique vibra com a vitória de London Moon

Imagem: Karol Loureiro

Momento bastante aguardado deste sábado (19), em Cidade Jardim, a final da Copa Precocidade e Velocidade ABCPCC, em 1.000m na raia de grama (pesada), para produtos de 2 anos, com R$ 600 mil de dotação, foi vencida pelo favorito London Moon, filho de Agnes Gold e Beauty Harlan (Harlan’s Holiday), de criação e propriedade do Haras Anderson.

Point do Iguassu foi quem despontou em meio ao “mar” de participantes. Lucky Parts, que estava posicionado na penúltima baliza (de fora para dentro), cruzou a raia e também passou a correr pela porção interna da pista, em segundo.

London Moon, que saiu pela pedra 12, permaneceu pelo externo da pista. Ele disputava a terceira colocação com Jardim Florido. A 500 metros do disco, já se percebia Leandro Henrique exigindo de seu conduzido – e nisso causando algum desconforto aos apostadores de London Moon.

Nos últimos 300 metros, Point do Iguassu desprendeu-se dos adversários, firmando-se na dianteira. Bem aberto, London Moon entrou no páreo, em definitivo, e passou a descontar a margem que lhe separava do defensor do Haras Rio Iguassu.

Num final emocionante, em clima de perseguição, London Moon veio a alcançar Point do Iguasus nos 50 finais, a tempo de sagrar-se vitorioso pela diferença de 1 corpo e ¾ sobre o adversário, de grande atuação. Exclusive Tiger, que atropelou com disposição, foi o terceiro. Dalhe Imperatriz e Lucky Parts completaram o marcador.

Jardim Florido, Lah Lah Lah, Let Me Love You, In-Usa, Landline, Jagermeister, Lá Vou Eu, Lucho e Canabarro Bacudo.

Inscrição de Lúcio Vaz (RJ), London Moon soma 2 vitórias em 2 corridas.

Tempo de 56.82, com finais de 24.13 e 12.31.

Mais notícias

Com novas regras do fisco, apostas realizadas no hipódromo, durante a Breeders’ Cup, crescem 21,4%

Novas regras do tesouro norte-americano sobre apostas “na pedra” coincidiram com crescimento significativo no movimento geral do festival.

Com Hot Thong no pedigree, Time Warp vence a Hong Kong Cup (gr.I)

Corredor britânico conquistou primeira vitória de G1 da campanha. Como terceira mãe, apresenta-se a brasileira Hot Thong.

Life Is Strange comanda dobrada brasileira em G2 de San Isidro

Crioula do Haras Santa Maria de Araras, pertencente ao Stud Rio Dois Irmãos, permanece invicta.