24 fev 2017 | 17:41:00

Mercado: Salto Olímpico e January Jones seguem para a Ásia

Algumas semanas após Esfinge ter sido adquirida por investidores japoneses, outros dois animais PSI criados no Brasil tiveram seladas as suas negociações junto a proprietários asiáticos. Em operações intermediadas pela Agência TBS, Salto Olímpico e January Jones seguirão suas respectivas carreiras - ele de corredor, e ela de matriz - na Ásia.


January Jones será coberta por Speightstown nos EUA e posteriormente enviada ao Japão
Imagem: Gérson Martins

Com apenas 5 apresentações produzidas entre os 2 e 3 anos, Salto Olímpico (por Holy Roman Emperor, de criação do Haras São José da Serra) dará sequência à sua campanha em Hong Kong. Um proprietário local adquriu o corredor junto ao Haras Regina, para quem, no Brasil, Salto Olímpico obteve uma vitória - diretamente no G1 do GP Jockey Club de São Paulo, em outubro - além de um quarto lugar no GP Derby Paulista (gr.I) vencido pelo também exportado Vettori Kin.

Já January Jones (por Shirocco, de criação da Coudelaria Jéssica) será diretamente incorporada à reprodução. Adquirida por um criador japonês junto ao Stud Art & Buzios, January Jones, antes de seu destino final, passará pelos Estados Unidos, onde será coberta por Speightstown (que serve na WinStar Farm, no Kentucky, por US$ 100 mil a cobertura) - e somente depois seguirá viagem até o Japão. January Jones encerrou sua campanha com 7 vitórias em 21 corridas, com destaque para sua vitória no GP Henrique Possolo (gr.I) de 2014. 

Mais notícias

No Oswaldo Aranha, vitória de King Four

Potro do Stud Angel foi o melhor no GP Chanceler Oswaldo Aranha (G3).

Royal Forestry demonstra superioridade na Prova Especial Dark Brown

Corredor do Stud Fenômeno obteve firme vitória.

Portovenere desbanca Aspro Courtier na Copa ABCPCC Regional (L)

Filho de Salto, do Stud Magenta, conquistou batismo clássico.