01 nov 2023 | 17:11:07

Profissionais brasileiros no exterior, por Fábio Zerbini (66ª edição)


Sandro Paiva: início de temporada "com o pé direito", em Dubai.

Imagem: Emirates Racing Authority

DUBAI


Com o início da temporada 2023/2024 em Dubai, os profissionais brasileiros começam a abrilhantar as reuniões locais, ao desfilarem seu talento na condução dos animais.

Sandro Paiva, Bernardo Pinheiro, Leandro Chimenes, Marcelino Rodrigues, José da Silva, José Santiago, dentre outros, são os profissionais que estão nos representando, nos Emirados Árabes.

SANDRO PAIVA: Já há algum tempo radicado nos Emirados Árabes, Paiva foi o primeiro brasileiro a ir para a foto da vitória, nesta nova temporada. Ele venceu duas carreiras na reunião do dia 28, em Al Ain. Na segunda prova do dia, o brasileiro foi o responsável pela condução vitoriosa de Kanalle De Faust, que recebe os preparos de A. Mouchahi. Depois, na sexta disputa, voltou a vencer, a bordo de Algharbi, que é treinado por A. Daud.


BERNARDO PINHEIRO: Muito querido por lá, o brasileiro vai em busca de sua melhor temporada no local, inclusive lutando pelo título inédito para o Brasil, de campeão das estatísticas.

Pinheiro iniciou a temporada com o pé direito e, assim como Paiva, também conquistou um double na reunião inaugural. Ayyash e Taj Al Izz, no quarto e quinto páreos, respectivamente, representaram as importantes conquistas do brasileiro neste início de disputas.



CANADÁ


LÉO SALLES: Somando mais um ponto na semana, Léo chegou a 40 triunfos no ano, num total de 413 participações. Montando entre os hipódromos de Fort Erie e Woodbine, o brasileiro foi para a foto, no dia 27, pilotando Preetzah’s Star, para a treinadora Ravendra Raghunath.



SINGAPURA


BRUNO QUEIROZ: Com uma conquista no último sábado, nosso Bruninho venceu a quarta prova do dia, pilotando o animal Thunder, para o treinador T. Fitzsimmons. Agora, Queiroz soma 21 triunfos no local.



MANOEL NUNES: Com um double, na reunião, Manoel Nunes segue vencendo com muita frequência, em Singapura. No segundo páreo do dia, o brasileiro foi para a foto com Written Towin. Depois, na décima prova, conduziu Asif (vídeo abaixo), do treinador S. Burridge, que bateu o animal Akhtar (este pilotado por Bruno Queiroz).



JAPÃO


JOÃO MOREIRA: Quarto colocado, com Dragon Beluga, no Tenno Sho (G1) - que marcou vitória incrível do craque Equinox - nosso "Magic Man" não passou em branco, na reunião. Pilotando Bijou Noir, o brasileiro venceu o nono páreo do dia, no hipódromo de Tokyo. No dia anterior, no hipódromo de Kyoto, Moreira venceu o último páreo da reunião, com Brian Sense.

No vídeo abaixo, confira a vitória de Equinox (e Christophe Lemaire "up") no Tenno Sho (G1) - prova em que Moreira ficou com a quarta colocação.



URUGUAI


VAGNER LEAL: Com Ta-Valente, cria do Haras San Francesco e Propriedade do Haras Taquery, o brasileiro foi para a foto no Clásico Pablo Gelsi Y José M. Ferro. Treinado por Jorge J. Rey, o filho de Gilbratar Point e Ta Maluca bateu Sub Manner por 1/4 de corpo.


por Fábio Zerbini

 

Mais notícias

Em estreia nos EUA, Fast Jet Court agrada e tira quarto em G2

Crioula do Haras Cima finalizou em quarto no John C. Mabee Stakes (G2), vencido pela clássica de G1, Going To Vegas.

Don Arlindo supera Itaperuna no Clássico Ciro Frare (L)

Em incrível ascensão técnica, velocista de Athayde Lopes brilhou em Curitiba.

Nota de falecimento: Reynaldo Tersitano Filho

Reynaldo Tersitano Filho Imagem: Divulgação JCB Faleceu nesta sexta-feira (15) Reynaldo Tersitano Filho. Titular do Haras The Best, Reynaldo militou por mais de uma década como proprietário de cavalos de corrida no Rio de Janeiro, além de ter levado sua farda para ser representada em outros hipódromos do país.  Dentre os inúmeros corredores do Haras The Best, foi Barão da... [continua ]