07 jun 2021 | 21:22:08

Royal Forestry tem campanha encerrada e irá para a reprodução

Globetrotter do turfe nacional conquistou vitórias em diferentes pistas e distâncias.


Royal Forestry: campanha extensa e proveitosa

Imagem: Porfírio Menezes/O Favorito Turfe

A conta do Instagram Athletic Horse (link para o post aqui) publicou, nesta segunda-feira (7), que Royal Forestry teve sua campanha encerrada. Múltiplo ganhador clássico, o crioulo do Haras Belmont e propriedade do Stud Fenômeno encerra campanha com 14 (6 clássicas) vitórias em 25 saídas, realizadas dos 1.400 aos 2.800 metros, nas pistas de areia e grama.

Aos 3 anos, Royal Forestry venceu o GP Consagração (G3, 2.800m/grama) e o Clássico Derby Paranaense (L, 2.000m/areia). Aos 4, faturou o GP Chanceller Oswaldo Aranha (G3, 2.200/areia) e o GP Presidente Julio Cesar Ferreira de Mesquita (G3, 2.400/areia). Por fim, aos 5, venceu o GP Chanceller Oswaldo Aranha (G3, 2.200/areia), pela segunda vez, além do GP Pres. Antonio Correa Barbosa (G2, 2.200/areia).

No “bi” do “Oswaldo Aranha”, aliás, Royal Forestry, ao assinar 02:12.123 para a distância, tornou-se o seu novo recordista, em São Paulo.

Animal que, durante considerável parte de sua campanha, conviveu com dificuldades de ordem locomotora, teve no capricho e esmero de Julio Cesar de Moura Rosa (assistido, na parte veterinária, pelo Dr. Breno Carvalho de Paula), um porto seguro que lhe permitisse desenvolver tão expressiva campanha.

Filho de Forestry e Bela Val (Val Royal), Royal Forestry é, portanto, irmão materno de Royal Ship, ganhador de G1, no Brasil, e vencedor de G2, nos Estados Unidos, onde vem de perder, por meia cabeça, a Hollywood Gold Cup (G1).

Mais notícias

Gone Hollywood conquista a Prova Especial Wild Event

Corredor pertence ao Stud Verde.

Desejo Ousado e Montparnasse empatam no primeiro posto da Prova Especial Gualicho

Atração da jornada noturna de segunda-feira (14) foi marcada por chegada acirrada.

Ficante volta à Gávea para vencer a Prova Especial Hyperio

Velocista do Haras Basano resistiu aos avanços de Cornélio.