17 jan 2021 | 17:38:15

Sailor Courtier, em recorde, encanta no GP Turfe Gaúcho

Pelo segundo ano consecutivo, Haras Cima e conexões brilharam na tradicional prova da cancha reta nacional.


Sailor Courtier: futuro imenso, adiante

Imagem: Hermes Martins/Turfe On Line

Neste domingo (17), no Jockey Club do Rio Grande do Sul, foi disputada a final do 53º Grande Prêmio Turfe Gaúcho, em 700m na pista de areia (macia), para produtos de 2 anos, com regulamento próprio. Vitória, em recorde, de Sailor Courtier, filho de Courtier e How Dry I Am (Belong To Me), de criação e propriedade do Haras Cima, que, repetiu, portanto, a conquista de Dashing Court, no ano passado.

Se na seletiva, disputada no sábado, Valmir Rocha não pediu, em momento algum, por Sailor Courtier – e em razão disso, inclusive, assinalou marca modesta (42 segundos) perto das outras eliminatórias – hoje o bridão ajustou seu conduzido, na altura dos 400 finais. Foi o que bastou para o alazão esfuziar na dianteira e conquistar vitória de plena autoridade.

Riobravo (Desejado Thunder), após tentar alguma aproximação, nos últimos 300 metros, teve de se contentar com a formação da dupla, a 3 corpos. Siga El Corso (Catch A Flight) foi o terceiro. Depois, Índice Fatal (Wired Bryan) e Idolatrada Export (Billion Dollar).

Preparado, em Curitiba/PR, por E. Goldoni, Sailor Courtier tornou-se o novo recordista da distância, ao assinalar o tempo de 40.20.

Mais notícias

Com facilidade e em recorde, El Cosechero brilha no Cristal

Filho do nacional Alcorano, pertencente a Fabiane de Mattos, venceu o Clássico Almirante Marquês de Tamandaré.

Errata: Essential Lord

Na matéria publicada no site da ABCPCC no último domingo (2), duas informações relacionadas ao ganhador da Prova Especial Super Power, Essential Lord, foram veiculadas de maneira equivocada. Ao contrário do que se publicou, Essential Lord é de criação e propriedade dos Haras Nacional & Niju, e sua mãe é a matriz Queen Brigit. Aos criadores e proprietários de Essential... [continua ]

Invicto em Porto Alegre, Peron volta a vencer

Defensor de Telmo Nunes Estrella conquistou o Clássico Santos Dumont.