Banner Haras Regina Topo
09 Jul 2017 | 21:59:02

High Chris aprova raia de grama e conquista o GP Presidente Vargas (gr.III)

Corredor do Stud Quintella deu manutenção à invencibilidade.

High Chris conquistou sua primeira vitória em prova graduada

Imagem: Gérson Martins

Após construir invencibilidade de três corridas na pista de areia – culminando no Clássico Breno Caldas (L) – em sua mais recente apresentação, High Chris, 4 anos, filho de Christine’s Outlaw e High Castle (Inexplicable), de criação do Haras Campestre e propriedade do Stud Quintella – venceu neste domingo (9), em sua primeira tentativa na raia de grama, o Grande Prêmio Presidente Vargas (gr.III), em 1.600 metros, para produtos de 3 e mais anos.

Sem vacilar, Carlos Lavor lançou High Chris para a dianteira no pulo de largada. Gargalo’s Hills (Roderic O’Connor) corria na segunda colocação, aparecendo Last Hope (Distorted Humor) em terceiro. Imperial Castle (Crafty C. T.), o único competidor de 3 anos, acionava na quarta colocação e Kaxinguelê (Good Reward) em quinto.

Separados por 1 corpo, High Chris e Gargalo’s Hills desvencilharam-se de Last Hope na cabeceira da curva, intensificando o ritmo da competição. No ingresso do lote à reta de chegada, Gargalo’s Hills tentava atacar High Chris enquanto que Ângelo Márcio Souza buscava espaço para o arremate de Invader que, na curva, ganhou várias posições em questão de poucos metros.

Acompanhando o galão de High Chris desde a abordagem da reta final, Lavor somente fez uso do chicote a 300 metros do espelho. Nessa altura, Invader avançava, perigosamente, sobre High Chris, ao passo que Last Hope igualmente buscava aproximação dos dois primeiros.

Em nova demonstração de brio, High Chris resistiu aos avanços de Last Hope por ¾ de corpo. Invader (1) terminou em terceiro e Kaxinguele (2 e ¾) em quarto. Gargalo’s Hills (4 e ¾) completou o marcador. Depois chegaram Imperial Castle, Demon Master, Cosmopolitan, Sandpiper e Energia Icon.

Preparado por Luiz Roberto Feltran, High Chris parou os relógios na marca de 1:36.04 para conquistar a quarta vitória de sua campanha.

Mais notícias

Schweinsteiger vai até a Gávea e levanta prova de G3

Alazão do Haras Rio Iguassu prevaleceu no GP Hipódromo da Gávea (gr.III).

Ler na íntegra

Hembra repete Alta Vista no Grande Prêmio Barão de Piracicaba (gr.I)

A exemplo do que fizera a mãe, em 2011, potranca do Haras Cifra brilhou na abertura da tríplice coroa de éguas, em Cidade Jardim.

Ler na íntegra

Em tarde de Valdinei Gil, Fanciful supera as mais velhas

Conduzida pelo jóquei ganhador de 4 dos 5 clássicos do dia, potranca do Stud Santa Maria venceu o Clássico Marcos Ribas de Faria (L).

Ler na íntegra