21 out 2020 | 20:16:32

Criação: Tiznow é aposentado aos 23 anos

Único bicampeão da Breeders’ Cup Classic deixará de cobrir, a partir de 2021.

Tiznow supera Giant's Causeway em Churchill Downs: embate histórico

Imagem: Trevor Jones/Blood Horse

Emblemático em pista e dono de bons resultados na reprodução, Tiznow teve encerrada sua carreira de garanhão. O reprodutor de 23 anos, alojado na WinStar Farm, no Kentucky, não mais cobrirá, a partir de 2021.

A informação foi divulgada por meio de nota oficial, da WinStar, que restou noticiada por Evan Hammonds, no website da Blood Horse.

Nascido em 1997, Tiznow (Cee’s Tizzy e Cee’s Song, por Seattle Song) competiu entre os 3 e 4 anos. No ano 2000, já havia vencido o Super Derby (G1) quando, numa chegada icônica, superou Giant’s Causeway na Breeders’ Cup Classic (G1).

Um ano depois, novamente em final de puro rigor, derrotou Sakhee, por focinho, na mesma prova, da qual se tornou o primeiro – e único, até aqui – bicampeão. Naquele dia, o sexto colocado foi ninguém mais, ninguém menos, que Galileo.

Tiznow encerrou campanha com 8 vitórias em 15 saídas – e mais de US$ 6,4 milhões em somas ganhas. Venceu 3 troféus do Eclipse Awards: Cavalo do Ano e Melhor Potro de 3 Anos, no ano 2000, e Melhor Cavalo Adulto, em 2001.

Tendo ingressado na reprodução, em 2002, Tiznow conta, até aqui, com 14 elementos vencedores de graduação máxima. Dentre eles figuram Colonel John, Tourist e Tizway, que fazem de Tiznow um “pai de pais”. No Brasil, seu transmissor é o tordilho Kentuckian, alojado em Tijucas do Sul/PR.

Por ora, há 37 netos maternos vencedores de stakes, de Tiznow. Tiz The Law (Constitution), vencedor do Belmont Stakes (G1) e segundo colocado no Kentucky Derby (G1) de 2020, é um deles.

Mais notícias

De ponta a ponta, Pau-Rei de Birigui levanta o Grande Prêmio Oswaldo Aranha (gr.II)

Defensor do Stud Birigui obteve a primeira vitória clássica de sua campanha no trial do GP São Paulo 2017

Ler na íntegra

Hong Kong: com reta atribulada, Cash do Jaguarete entra quinto, em listed

Brasileiro completou o marcador na Hong Kong Classic Mile (L).

Ler na íntegra

Argentina: com Little Vicky, conexões brasileiras vencem listed

Filho de matriz brasileira, conduzida por Francisco Leandro e treinada por José Luiz Aranha, pensionista do Haras Phillipson conquistou o Clásico Haras Argentinos (L).

Ler na íntegra