15 jun 2021 | 19:53:22

Deep Dream conquista o Princesa do Sul 2021

Defensor de Oitavo Stud/Haras Princesa do Sul brilhou no momento mais aguardado do ano, em Pelotas.

Henrique de Oliveira vibra com a vitória de Deep Dream

Imagem: Diário Popular/Estéfano Lessa

No último final de semana, o Jockey Club de Pelotas promoveu mais uma edição de sua prova máxima: o Grande Prêmio Princesa do Sul, que, em 1.900 metros na raia de areia, foi disputado, pela 83ª vez, na história por produtos de 3 e mais anos, levou, em seu nome, homenagem ao Ex-Presidente Carlos Moreira Mazza, falecido, e teve em Deep Dream, 5 anos, filho de Redattore e Angel Carina (Elusive Quality), de criação do Stud TNT e propriedade de Oitavo Stud/Haras Princesa do Sul, o seu ganhador.

Ainda que tenha buscado a ponta, após a largada, Deep Dream restou contido, diante do ímpeto inicial de Pit Stop. Jeune Coureur corria em terceiro. Campeão Corunilha e Liberty Corner completavam o grupo dos cinco primeiros.

Ao final da reta oposta, Deep Dream recebeu rédeas de Henrique de Oliveira e atacou Pit Stop. Passou pelo ponteiro, no início da curva, ingressando na reta final com confortável margem, na primeira colocação. Dali até o disco, coube a Deep Dream administrá-la, sem que seus adversários fossem capazes de levar perigo à sua conquista. Em êxito firme, derrotou Jeune Coureur por cerca de 4 corpos. Pit Stop foi o terceiro. O Sole Mio e Liberty Corner completaram o marcador.

Treinado por Pedro Oliveira, Deep Dream conquistou sua 2ª vitória em 23 corridas. Ao assinalar 2:00.60, Deep Dream tornou-se o novo recordista da distância.

Na prova destinada aos milheiros, o Grande Prêmio Jockey Club do Rio Grande do Sul – Jornal do Turfe 26 Anos, em 1.600m na areia, para produtos de 3 e mais anos, vitória de Fort Red, 6 anos, filho de Redattore e Joy And Pride (Trempolino), de criação do Haras Old Friends e propriedade do Stud Lobão de Pelotas. Condução de A. Renan e treinamento de L. F. Santos. Tempo de 1:42.80.

No Clássico Prefeitura Municipal de Pelotas, em 1.200m na areia, para animais de 3 e mais anos, venceu Ontogo, 3 anos, filho de Glória de Campeão e Sovereign Song (Unbridled’s Song), de criação e propriedade do Haras Nacional. Treinamento de F. Petrechel e montaria de L. Fonseca. Tempo de 1:13.80.

Clique aqui para acessar os resultados publicados no website oficial do Jockey Club de Pelotas.

Clique aqui para assistir ao replay.

Mais notícias

Ranking Longines: com destinos traçados, estrelas da Juddmonte destacam-se na lista

Respectivamente primeiro e terceiro animais no Longines World’s Best Racehorse Rankings, Arrogate e Enable tiveram divulgados seus destinos para os próximos meses. Ele, na reprodução. Ela, em campanha.

Ler na íntegra

Schweinsteiger, pelo segundo ano consecutivo, o melhor velocista do Paraná

Alazão do Haras Rio Iguassu venceu, pela segunda vez, o Clássico Ciro Frare (L).

Ler na íntegra

Love 'N' Happiness, uma Setembro Chove, sobra no GP Emerald Hill (gr.III)

Potranca do Stud Chesapeake abandonou o perdedor em alto estilo

Ler na íntegra