14 nov 2021 | 20:46:31

Jelly Bean atropela com estilo no Clássico Sabinus (L)

Potranca do Haras Sweet Carol é filha do nacional Chronnos.


Jelly Bean emplacou atropelada fulminante

Imagem: Sylvio Rondinelli/Divulgação JCB

Uma das atrações deste domingo (14), no Jockey Club Brasileiro, o Clássico Sabinus (L), em 1.000m na raia de grama (pesada, com 6m de cerca móvel), para animais de 3 e mais anos, revelou a vitória de Jelly Bean, 3 anos, filha do nacional Chronnos e Dona da Verdade (Wild Event), de criação e propriedade do Haras Sweet Carol.

Enquanto a favorita Cherry Dollar ditava o ritmo da prova, Leandro Henrique mantinha Jelly Bean no fundo do lote. Na reta final, Cherry Dollar cedeu aos avanços de Adega Zip, enquanto, de trás, avançavam Jelly Bean e Malvado Favorito. Lomar era outro que caçava uma passagem, para arrematar.

Nos 200 finais, Jelly Bean e Adega Zip passaram a disputar, cabeça a cabeça, a primeira colocação. Em final de rigor, Jelly Bean garantiu ½ corpo sobre Adega Zip, que formou ponta e dupla do treinador Adélcio Menegolo. Lomar foi o terceiro. Malvado Favorito e Cherry Dollar completaram o placar.

Jelly Bean obteve sua 2ª vitória (1ª clássica) em 4 corridas. Tempo de 56.64.

Mais notícias

Gun Runner congela os cronômetros em exercício para a Pegasus World Cup

Alazão da Three Chimneys exibiu forma estupenda em trabalho produzido na pista de Fair Grounds.

Cristal: Jivago levantou a melhor prova da quinta-feira

Potro de Henrique Menegotto Lorea venceu, no sino de reclamação, o Clássico Presidente Antônio Demarchi Chula.

Argentina: brasileira Fay vence listed em San Isidro

Crioula do Stud TNT, pertencente ao Stud RDI, conquistou o Clásico Remigio González Romero y el Clásico Etoile (L).