Banner Haras Regina Topo
26 Jan 2018 | 23:50:35

Porto Alegre: Best Dubai e Nadador Lô dominam as principais provas

Favoritos não deram susto nos embates da chamada clássica local, disputados nesta sexta-feira (26), no Hipódromo do Cristal.

Hoje (26), no Jockey Club do Rio Grande do Sul, duas provas da chamada clássica local figuraram como as principais atrações em meio aos 10 páreos programados na jornada do Hipódromo do Cristal.

No Clássico Presidente Mario Morais, em 1.600m na pista de areia, para potrancas de 3 anos, prevaleceu Best Dubai, filha de Dubai Dust e Vogue Girl (Vettori), de criação do Haras TNT & Haras Fronteira e propriedade de Cláudio O. O. Marques.

Conduzida por M. B. Souza, Best Dubai vigiou, na segunda colocação, as movimentações da ponteira, Linda Nui (Molengão). Na curva, Best Dubai tomou conta do páreo, para não mais abandonar a dianteira.

Num fácil êxito – ameaçado em momento algum do tiro direto – Best Dubai derrotou Lady Kesha (Tiger Heart) por 5 corpos e ½. Equestria (Thompson Rouge) finalizou em terceiro, deixando Linda Nui e Millow Cup (Mellon Martini) no complemento do marcador.

Treinado por N. Canut, Best Dubai alcançou a sétima vitória em 8 corridas. Tempo de 1:46.10.

Na prova correspondente, disputada pelos machos, Nadador Lô, filho de Crimson Tide e Yes Grêmio (Exile King), de criação do Haras Capela de Santana e propriedade do Stud Casablanca, levantou o Clássico Presidente Raul Bastian, em 1.600m na areia, para produtos de 3 anos.

Enquanto o faixa Nuraghi (Public Purse) puxava o pelotão, na outra extremidade M. B. Souza aguardava com Nadador Lô, na sexta e última colocação. Passando a melhorar seu posicionamento a partir dos últimos 1.000 metros, Nadador Lô alcançou a reta final já em briga pela primeira posição.

Levado para o externo da pista, Nadador Lô flutuou no tiro direto, para conquistar fácil vitória. Nuraghi formou a dobrada do Stud Casablanca, cerca de 6 corpos atrás do vencedor. Depois: Fermento Em Pó (Wild Event), Comprovado (Unbridled Star) e Liquore (Out of Control).

Recebendo treinamento de H. P. Machado, Nadador Lô – tríplice coroado juvenil no Cristal – obteve a sétima vitória em 12 atuações. Tempo de 1:45.00.

Mais notícias

Pela primeira vez, norte-americanos apostaram em corridas brasileiras

Quatorze páreos das euniões de segunda-feira (15) e terça-feira (16), na Gávea, foram transmitidas pelo sistema de Gulfstream Park, resultando movimento de US$ 205 mil.

Ler na íntegra

Dalheconquistadora supera as mais velhas no GP Presidente Antonio Grisi Filho (gr.II)

Potranca do Haras Clemente Moletta demonstrou sobras na melhor prova da tarde.

Ler na íntegra

Após 3 anos e 4 meses, Jaspion Silent reaparece com vitória na Gávea

Jaspion Silent: campeão do GP São Paulo de 2014 deu um show ao reaparecer Imagem: Gérson Martins Se o retorno de Jaspion Silent, por si só, despertou a atenção de inúmeros turfistas, a maneira como o corredor de 7 anos o fez, neste sábado (2), na Gávea, deixou a todos boquiabertos. Ainda que numa prova disparate em relação à categoria... [continua ]

Ler na íntegra